Interior

10 de julho de 2020 09:11

São Miguel dos Milagres: Decreto autoriza reabertura de hotéis, receptivos e restaurantes

Medida exige respeito aos protocolos de segurança e higiene

↑ Atividades turísticas liberadas em São Miguel dos Milagres (Foto: Claudio Bulgarelli)

O trade turístico de São Miguel dos Milagres, a capital da Rota Ecológica e um dos destinos turísticos mais badalados do Nordeste, parado a mais de 100 dias devido à pandemia do novo coronavírus, começa a respirar aliviado com a volta de uma nova normalidade. É que o prefeito Rubens Ataíde, através de um Decreto Municipal, autoriza, a partir desse sábado, dia 11, a abertura da hotelaria, dos receptivos de atendimento ao turista, dos restaurantes e das praias do município. O decreto, no entanto, coloca como ponto para a reabertura, o respeito aos protocolos de segurança e higiene, que devem ser seguidos por todos os empreendimentos e profissionais liberais que trabalham diretamente com o turista.

Segundo o decreto, no sábado, 11, podem reabrir todos os empreendimentos hoteleiros, num total de 34 pousadas, incluindo o Hotel Angá, com 120 quartos, os 4 receptivos turísticos e os 10 restaurantes, incluindo as pizzarias. Todos devem adotar os protocolos de segurança e higiene, com obrigatoriedade de álcool em gel e mascaras, tanto para colaboradores como para turistas e funcionar somente com 50 por cento de sua capacidade. Nas pousadas deve ocorrer a higienização dos quartos cada vez que saírem ou entrarem novos hospedes.

Com a abertura dos receptivos, aliados ao já funcionamento de muitas agências em Maceió que vendem passeios para São Miguel dos Milagres, os bugueiros já poderão também fazer passeios a partir do dia 18, com limitação de pessoas, nas áreas permitidas dentro do município, como o passeio nos coqueirais e a famosa subida da ladeira de Nossa Senhora Mãe do Povo até o Mirante do Cruzeiro. Os passeios até as piscinas naturais ainda estão proibidos, pois dependem de liberação do ICMBio, responsável pela APA Costa dos Corais.

Para o prefeito Rubens Ataíde, com a liberação das atividades turísticas, a economia do município começa a ganhar corpo e se prepara para a alta temporada.

Fonte: Tribuna hoje / Claudio Bulgarelli

Comentários

MAIS NO TH