Interior

13 de dezembro de 2019 15:55

Arapiraca na OBMEP: escolas estaduais superam marca de 2018

Unidades de ensino tiveram melhor desempenho em comparação com o ano passado

↑ Estudante Luana, da Escola Rotary, é bimedalhista na OBMEP Foto: assessoria

O desempenho das escolas da rede estadual de ensino, localizadas no município de Arapiraca, na edição deste ano, na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP), foi superior ao registrado em 2018.

Na cidade de Arapiraca, as escolas da rede pública conquistaram nove medalhas de bronze, sendo quatro do Colégio Militar Tiradentes, duas da Escola Estadual Senador Rui Palmeira (Premen), uma da Escola Estadual Rotary, uma medalha de bronze da Escola Municipal 31 e Março e outra medalha da Escola Municipal Epitácio Rodrigues.

As unidades de ensino também receberam 97 Menções Honrosas, sendo 87 para a rede pública (município, rede estadual e Ifal) e dez da rede particular.

Mais uma vez, o destaque ficou para o Colégio Militar Tiradentes de Arapiraca, que a cada ano conquista mais medalhistas. Nesta edição foram quatro medalhas de bronze  e 18 Menções Honrosas.

A unidade de ensino, inaugurada no ano de 2016 pelo governador Renan Filho e pelo vice-governador e secretário de Educação Luciano Barbosa, no primeiro ano que participou da Olimpíada de Matemática, em 2017, foram duas medalhas de bronze. No ano passado foram três e, agora, o número subiu para quatro medalhas em nível nacional.

Nome dos medalhistas arapiraquenses

Veja a relação dos alunos medalhistas de Arapiraca e suas respectivas escolas: José Ryan da Silva, Colégio Tiradentes, Nível 1 (6º  ano e 7º  ano);

Nycolas Silva de Alemida, Colégio Tiradentes, Nível 1 (6º ano e 7º ano);

William Thiago Santos Costa, Escola 31 de Março, Nível 1 (6º ano e 7º ano);

Lívia Caroline Barbosa Almeida, Colégio Tiradentes, Nível 2 (8º ano e 9º  ano);

Guilherme Silva de Santana, Colégio Tiradentes, Nível 2 (8º ano e 9º anos);

Luana Marina Santos Ferro, Escola Estadual Rotary, Nível 2 (8º ano e 9º ano);

Viviam Beatriz Galdino dos Santos, Escola Cônego Epitácio Rodrigues, Nível 2 (8º ano e 9º ano);

José Edson da Silva Barbosa , Escola Estadual Senador Rui Palmeira (Premen), Nível (ensino médio);

Sara Maria da Silva Melo, Escola Estadual Senador Rui Palmeira (Premen), Nível 3, (ensino médio).

A estudante Luana,  da Escola Rotary, bimedalhista, foi bronze em 2018 e 2019; Viviam,  da Cônego Epitácio, bimedalhista de bronze em 2018 e 2019 e Lívia, bimedalhista em 2017 e 2019.

Fonte: Tribuna Hoje / Davi Salsa com assessoria

Comentários

MAIS NO TH