Interior

22 de outubro de 2019 08:43

Piscinas naturais não são atingidas e passeio é mantido

Intenso movimento de jangadas é a maior prova de que turistas seguem visitando os locais

↑ Situação da Piscina Natural do Riacho, em São José dos Milagres (Foto: Claudio Bulgarelli)

A melhor notícia do fim de semana ensolarado nas praias do Litoral Norte de Alagoas: mesmo com o óleo, que continua aparecendo em algumas áreas isoladas, as piscinas naturais, de Paripueira, passando pelas da Croa, na Barra de Santo Antônio; chegando as famosas do Toque, em São Miguel dos Milagres; aquelas de Japaratinga e as galés de Maragogi estão totalmente livres do petróleo. O intenso movimento de jangadas nas mais diversas piscinas naturais da região durante o fim de semana foi a maior prova de que o turista continua fazendo os passeios, apesar das falsas notícias de que essas áreas tinham também sido atingidas.

Nota oficial das prefeituras de Japaratinga, que teve as praias mais atingidas pelo óleo, e de Maragogi, que foi o mais eficiente município em limpar a chegada do petróleo cru, atestam que as piscinas naturais não apresentaram, até o domingo (20), incidências das manchas de óleo que atingem os estados da região Nordeste. Vídeos foram gravados nas piscinas por vereadores, por jangadeiros e turistas, compartilhados com milhares de usuários no Facebook e WhatsApp.

Idêntica situação nas piscinas naturais do Riacho, de Milagres e do Toque, em São Miguel dos Milagres, que recebeu centenas de turistas para os passeios, especialmente na manhã de ontem (21). Na piscina do Riacho, na praia do Riacho, o fluxo de turistas das operadoras se manteve regular nessa segunda. O operador de turismo, Diogo Pergentino, que envia diariamente turistas para a Rota Ecológica confirmou que o passeio está normal e piscinas e praias estão limpas.

Fonte: Tribuna Independente / Claudio Bulgarelli

Comentários

MAIS NO TH