Interior

27 de janeiro de 2018 09:03

Rota Ecológica supera expectativas das mais de 100 pousadas da região

Ocupação e faturamento de pousadas é maior que na alta temporada anterior

↑ Mais de R$ 5 milhões já foram injetados na economia local pelo turismo e mais R$ 5 milhões virão com Carnaval, diz secretária Carol Lessa (Foto: Claudio Bulgarelli)

O primeiro mês da alta temporada, de 20 de dezembro a 20 de janeiro, já superou as expectativas do trade turístico da Rota Ecológica, tanto em termos de ocupação quanto de faturamento. As mais de 100 pousadas da região tiveram praticamente 100 por cento de ocupação na semana do Réveillon, 90% na semana seguinte e 80 por cento na última quinzena, com um aumento considerável em relação ao ano anterior. Foi o que afirmou a Secretaria de Turismo de São Miguel dos Milagres, Carol Lessa, ao analisar o impacto dos últimos 30 dias na economia local.

Segundo ela, somente São Miguel dos Milagres, que concentra o maior número de pousadas, meta de mais da metade dos turistas que procuram a região, mais de R$ 5 milhões já foram injetados na economia local pelo turismo de fim de ano. Até a semana seguinte ao Carnaval, quando termina, oficialmente, a alta temporada, o gasto total com o turismo deve chegar aos 10 milhões.

Para a secretária, a maior surpresa foi que mesmo depois das festas de fim de ano, o número de turistas se manteve estável e até superior ao ano passado.

Distante menos de 100 km de Maceió, o município de São Miguel dos Milagres, um dos mais antigos povoamentos de Alagoas, é conhecido por ser um dos principais destinos para quem quer aproveitar o verão. Apesar de pequena, a cidade mostra seu grande potencial turístico na alta temporada com praias desertas, piscinas naturais e pousadas de charme.

Para o hoteleiro Robledo Teixeira, da pousada Dom Robledo, São Miguel dos Milagres se tornou um dos mais cobiçados destinos turísticos do Brasil, pois oferece um pouco de tudo, com o diferencial das praias e de suas piscinas naturais. O empresário Wilson Domingos, da Pousada Recanto dos Milagres, que trabalha também com receptivo, recebendo turistas cotidianos em ônibus que saem de Maceió, essa temporada já supera em mais de 20 por cento a do ano passado.

Nos outros municípios da Rota Ecológica, Passo de Camaragibe e Porto de Pedras, os números são os mesmos, com pousadas cheias e faturamento em alta. As pousadas da Praia do Patacho, por exemplo, permanecem com 100 por cento de ocupação. Para o pousadeiro Clemente Dias, da Samba Pa Ti, uma das mais belas do Patacho, que recebeu dezenas de artistas famosos nesse fim de ano, como  ator Caio Castro, até o carnaval os números devem se manter em alta.

Fonte: Tribuna Independente / Claudio Bulgarelli – Sucursal Litoral Norte

Comentários

MAIS NO TH