Interior

13 de dezembro de 2017 07:55

Prefeitura de Arapiraca emite nota acerca de tumulto com agentes da SMTT

O incidente ocorrido no fim da tarde desta terça-feira (12), em um trecho da Rua 15 de novembro, no centro da cidade de Arapiraca, envolvendo agentes da SMTT de Arapiraca e o condutor de um veículo, continua gerando muita polêmica na segunda maior cidade de Alagoas.

Após o portal TribunaHoje publicar matéria acerca do fato, a Prefeitura de Arapiraca, por meio de sua assessoria de comunicação, emitiu uma nota à imprensa, na manhã desta quarta-feira (13), para esclarecer o episódio que provocou muita revolta e indignação nas redes sociais.

No vídeo é mostrada uma discussão entre o cidadão e o agente público, que foi acusado de agressão e depois colocado o homem dentro da viatura da SMTT com a ajuda de outros fiscais de trânsito.

As pessoas que estavam no local relataram que o cidadão foi cercado pelos agentes, em razão de ter reclamado da truculência na abordagem.

Por sua vez, o agente da SMTT diz ter sido agredido verbalmente durante a discussão com o condutor do veículo. Os nomes das pessoas envolvidas não foram revelados até o momento.

Veja a nota da prefeitura:

NOTA – ASCOM / SMTT

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA SUPERINTENDÊNCIA MUNICIPAL DE TRANSPORTES E TRÂNSITO DE ARAPIRACA-AL

Agressão verbal à equipe da SMTT

A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito de Arapiraca (SMTT) vem a público esclarecer o fato ocorrido na tarde de terça-feira (12), na Rua 15 de Novembro, no bairro Centro, em Arapiraca.

Uma Guarnição de Operações de Transportes e Trânsito (GOT) estava em procedimento rotineiro de fiscalização de trânsito, quando o comerciante Elivaldo Florentino dos Santos, de 59 anos, estava visível em estado de embriaguez e se aproximou da guarnição chamando os agentes de autoridade de trânsito de ‘otários’ e outras palavras de baixo calão em voz alta. Os agentes de trânsito que estavam em fiscalização detiveram o cidadão até a chegada da PM.

Com a ajuda de um policial militar o comerciante foi algemado e conduzido à Central de Polícia Civil para confecção do Boletim de Ocorrência (B.O).

A superintendência da SMTT de Arapiraca lamenta o episódio e reafirma que o órgão municipal de Transportes e Trânsito estava em função legal de fiscalização para manter a ordem e a disciplina do trânsito da cidade. E que a atuação da SMTT segue os princípios e as leis determinadas pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB), além do exercício do órgão de acordo com a legalidade determinada na atual gestão.

Fonte: TribunaHoje / Davi Salsa

Comentários

MAIS NO TH