Interior

10 de fevereiro de 2017 16:58

Defesa Civil de Alagoas vai a Atalaia discutir crise da seca na região

Problema da falta d’água vem atormentando todo Estado de Alagoas

Na próxima terça-feira pela manhã, a questão da crise de água em Atalaia entra em pauta de discussão entre os órgãos competentes com a Prefeitura. O encontro será a partir das 9h, no auditório da Câmara de Vereadores. O assunto foi tratado e programado nesta sexta-feira entre o vice-prefeito Rodrigo Albuquerque, que em seu gabinete recebeu o Coordenador Estadual de Defesa Civil, major da PM Moisés Pereira de Melo, além do secretário Executivo de Defesa Civil de Atalaia, Massilon Mendes, que também comanda todo Vale do Paraíba.

O problema da falta d’água vem atormentando todo Estado de Alagoas, que há mais de cinco anos enfrenta uma de suas piores secas de todos os tempos, cuja escassez da chuva tem causado um fenômeno avassalador, sobretudo nas nascentes, nos rios, barragens, riachos e reservatórios que estão agonizando em meio ao tempo, justamente por falta de água. Em Atalaia, por exemplo, o rio Paraíba praticamente secou. Por essa razão, foi que no último dia 19, o prefeito Chico Vigário decretou “Situação de Estiagem” por um período de seis meses, cujo relatório desse drama já se encontra em Brasília, para que o governo federal possa fazer parte das ações contribuindo financeiramente ou materialmente. 

Com o decreto de Situação de Estiagem, o governo municipal visa tomar medidas que possibilitem a disponibilidade do recurso hídrico, construindo-se condições de reservas de água para uso humano e sustentabilidade dos lençóis freáticos, preservando assim o equilíbrio do meio ambiente. O decreto estabelece também, que todos os órgãos do município estarão mobilizados sob o comando da Coordenação Municipal de Defesa Civil nas ações de resposta a tal situação.

Comentários

MAIS NO TH