Esporte

9 de janeiro de 2021 13:44

CRB encara o Guarani nesta segunda-feira

Galo precisa pontuar nesta partida do Estádio Rei Pelé para ficar mais próximo da permanência na Série B de 2021

↑ CRB encara o Guarani nesta segunda-feira no Estádio Rei Pelé com a missão de vencer e ficar mais perto da pontuação que garante a vaga no Brasileiro da Série B 2021 (Foto: Foto: Israel Oliveira / Guarani FC)

Agora só faltam 5 jogos. Contagem regressiva para o final da Série B, e o CRB tem um importante compromisso nesta segunda-feira, às 20h, contra o Guarani no Estádio Rei Pelé. O técnico Roberto Fernandes sabe que o fator casa deve ser primordial para atingir a pontuação mínima de manutenção na segundona. O Regatas venceu o Confiança na sexta-feira (8) e fecha essa sequência no Trapichão com muita motivação.

O Galo terá mais três jogos no Rei Pelé, contra o Guarani, o Figueirense e o Cuiabá. Desses, apenas o Figueira é um adversário direto na luta contra a queda, o que aumenta a responsabilidade para o jogo do dia 19 de janeiro, em Maceió. Fora de casa, o CRB joga neste mês com a Ponte Preta e o Operário. O time precisa basicamente de 45 pontos para se garantir.

“Temos alguns confrontos diretos na luta contra o rebaixamento. A gente precisa vencer para melhorar na tabela. O time está ligadíssimo. Poucas pessoas acreditavam que pudéssemos vencer os últimos jogos, a gente respirou, mas está concentrado em fazer 45 pontos, para evitar qualquer risco, e conseguir depois a melhor colocação possível”, explicou o zagueiro Gum.

Esta semana, o Galo colocou nas redes sociais até uma arte com a série de jogos em janeiro. “O mais importante é fazer uma boa sequência nestas rodadas que restam para que possamos terminar o campeonato bem, com resultados positivos e com o CRB garantido na competição para este ano. O grupo sabe da responsabilidade que terá nessas próximas semanas”, comentou o centroavante Lucão.

GOLEIRO

Uma das boas novidades é a recuperação do goleiro Victor Souza. Para lembrar, ele se recupera de uma cirurgia no dedo indicador da mão direita, e esta semana já colocou as luvas. “Tive a lesão, me desliguei um pouco do futebol, por tristeza, uns 20 dias depois vi que tivemos outras lesões no grupo, Covid e estávamos brigando pra não cair”.

Victor tem contrato com o CRB até 30 de janeiro e ainda não falou em renovação para o resto do ano.

 

Fonte: Tribuna Independente

Comentários

MAIS NO TH