Esporte

18 de outubro de 2018 08:57

Marcos Barbosa evita falar de eleições no CRB

Presidente desmente informação de possível apoio a ex-diretor do clube e vai se posicionar apenas após o término da Série B

↑ Presidente Marcos Barbosa está no CRB desde 2011 e não será candidato à reeleição; ele aposta em permanência do Galo na Série B (Foto: Arquivo)

Conforme a Tribuna Independente já havia antecipado, Marcos Barbosa não será o presidente do CRB na próxima temporada. O atual gestor confirmou nesta quarta-feira (17), esta posição e desmentiu qualquer boato de que estaria apoiando o nome do ex-diretor do clube regatiano, Márcio Lessa. “A composição para a próxima presidência sairá de um consenso entre Fernando Paiva, Carlos Rubens, Toroca, Kenedy Calheiros e Roberto Fernandes. São estes conselheiros que devem se reunir para em dezembro trabalhar esta eleição. Não quero mais falar sobre este assunto até o fim da Série B. O objetivo agora é livrar totalmente o CRB desse rebaixamento. E vamos conseguir”, disse Barbosa.

Nesta sexta-feira (19), às 19h15, o Galo entra em campo para encarar o Goiás no Rei Pelé. Os ingressos já estão sendo vendidos ao preço de R$ 15 arquibancadas e R$ 25 cadeiras. “Tenho total confiança em nossa torcida e vamos juntos fazer uma grande corrente positiva na sexta-feira. Precisamos desses três pontos e vamos conseguir”, convocou o presidente.

EM CAMPO

O técnico Roberto Fernandes fechou os treinos como de costume. Nesta quarta-feira, ele falou com a imprensa. “São pequenos detalhes. Passa mais do quem nunca do que a gente falou no início. Nós precisamos melhorar os nossos gols na competição. Hoje o CRB é o lanterna nesse quesito. Somos o sexto time que mais finaliza e somos o pior ataque da competição, e temos jogadores com capacidade para isso. Temos jogadores que foram artilheiros em outros lugares. Está faltando o capricho e a competência para tomada de decisão para nossa vitória chegar”, afirmou o treinador regatiano.

O goleiro João Carlos, do CRB, passou os ingredientes para o time escapar do rebaixamento. “Todo mundo está nivelado. Quem tiver mais raça, mais força de vontade dentro de campo, coragem, vai conseguir garantir a permanência. Espero que seja o CRB”.

João Carlos ainda seguiu o pensamento do zagueiro Anderson Conceição, que disse que os próximos jogos serão tratados com decisões para o CRB. Na opinião do goleiro não é momento para olhar a posição do adversário na tabela. Vencer é a palavra de ordem no ambiente regatiano.

“Teremos sete jogos importantes. Estamos trabalhando muito forte e com foco no Goiás… Nada impede de quem tá na zona do rebaixamento ganhar e nós necessitamos muito dessa vitória. Temos que entrar pra ganhar porque precisamos desses pontos. A nossa situação não é cômoda e temos que seguir firme na luta independente do adversário”, diz o goleiro.

Fonte: Tribuna Independente

Comentários

MAIS NO TH