Esporte

12 de setembro de 2018 12:24

CRB em busca de soluções “internas” para subir na tabela

Doriva acredita em motivação dos jogadores para conseguir as cinco vitórias que faltam para a permanência na Série B

Para encontrar a formação ideal do CRB, o técnico Doriva terá muito trabalho esta semana. Já começou desde o início e segue até amanhã de manhã, quando o time embarca para Pelotas. No sábado tem confronto com o Brasil, às 16h30 no Estádio Bento Ribeiro. A produção ofensiva está bem abaixo do esperado. E a defensiva também. Nos últimos cinco jogos o Regatas levou gol em todos e só marcou em três. Assim como o CRB, o Brasil de Pelotas também está lutando para subir na tabela. O time está na zona de rebaixamento e vem de derrota na competição. O Galo, por outro lado, não vence fora de casa há 11 rodadas.

É possível que Doriva faça grandes mudanças. Ele já deixou claro isso na última coletiva. “Quem está jogando bem é lógico que garante sua posição. Quem está oscilando precisamos pensar em trocas. Eu enxergo que a equipe está se portando bem fora de casa e nas últimas partidas, que perdemos por 1×0 (Avaí e Atlético-GO), sempre esse gol tomado é de um momento único de falta de concentração”, explicou o treinador.

Ele conta com o retorno do zagueiro Anderson Conceição, que cumpriu suspensão. O zagueiro Lázaro, último reforço, também está regularizado e pode jogar. Hoje o elenco regatiano conta com 30 jogadores à disposição. Seriam 33 se Doriva quisesse escalar o lateral Diego, o zagueiro Flavio Boaventura, e pudesse ter Cleiton Xavier. Não existe mais prazo para trazer ninguém. É com esse grupo que o CRB vai até o fim da Série B.

“A gente tem um elenco competitivo para a Série B e tem que saber aproveitá-lo. Não é o momento de lançar mão de ninguém. A gente tem que tentar recuperar todos porque são esses atletas que vão fazer o CRB permanecer na Série B. O mercado está muito difícil, os atletas que a gente conseguiu para suprir as ausências que a gente necessitava, conseguiu trazer há tempo e, com certeza, a gente precisa recuperar aqueles atletas que precisam ser recuperados, trabalhar com esse grupo. A gente tem um grupo que tem condições, todos os jogos estão sendo equilibrados”, explicou Doriva.

Jogadores que estavam em baixa, atuaram bem e ganharam crédito. É o caso do atacante Iago e do volante Luiz Otávio. Os dois serão titulares no confronto difícil no sul do país. “Vai ser uma guerra lá, sem dúvida. A gente tem que ir preparado sabendo o que vai fazer para não ser surpreendido. O mais importante é sair de lá com esses três pontos”, exaltou Luiz.

O goleiro João Carlos citou a importância do próximo duelo com o Brasil-RS, adversário direto na briga para se distanciar do Z-4.  “É um jogo decisivo e muito importante para as duas equipes, de seis pontos. Vamos procurar fazer um jogo seguro para sairmos de lá com um resultado positivo. Não podemos perder essa partida, que é fundamental para o CRB visando a sequência da competição. Temos que acreditar até o fim nesta volta por cima na Série B. Precisamos lutar muito para, primeiro, nos afastar da zona de rebaixamento da competição. Ainda estamos próximos e queremos melhorar nossa posição na tabela de classificação da disputa para respirarmos um pouco nela. Só depende da gente”, finalizou.

Fonte: Tribuna Independente / Editoria de Esporte

Comentários

MAIS NO TH