Esporte

9 de julho de 2018 23:48

Guarani vence Coritiba e entra no G4 da Série B

Equipe campineira foi rápida para abrir placar

↑ Imagem: Ilustração

O Coritiba segue sem vencer fora de casa na Série B do Campeonato Brasileiro e desta vez perdeu para o Guarani, por 2 a 1, no Estádio Brinco de Ouro, em Campinas. Com o resultado, o Bugre segue se recuperando na classificação, chegando aos 23 pontos, na terceira colocação. Já o Coxa, também com 23 pontos, é o quinto colocado, perdendo seu lugar no G4.

A equipe campineira foi rápida para abrir a contagem e logo aos três minutos do primeiro tempo, em cobrança de falta de Pará, balançou a rede. Guilherme Parede deixou tudo igual, aos 43 minutos. Depois do intervalo, Bruno Mendes deixou novamente o time da casa na frente, aos dois minutos.

Na próxima rodada, o Guarani enfrenta o Figueirense, na terça-feira, dia 17, novamente no Brinco de Ouro. Já o Coritiba encara o São Bento, no sábado, dia 21, no Estádio Couto Pereira, na capital paranaense.

O Jogo

O Bugre começou a partida pressionando e aos três minutos, Bruno Mendes sofreu falta na entrada da área. Na cobrança, Pará bateu com categoria para vencer a barreira e balançar a rede para abrir o placar. O Coxa foi para cima e passou a dar espaços. Aos nove minutos, Matheus Oliveira tentou surpreender o goleiro Wilson e bateu de longe, por cobertura, mas a bola subiu demais.

Confusão na área coxa-branca, aos 14 minutos, com a bola sobrando limpa para Bruno Mendes, que foi derrubado. O árbitro, no entanto, marcou impedimento. O jogo era muito movimentado em Campinas, mas os times erravam muitos passes. Em contra-ataque, aos 19 minutos, Kevin chegou ao fundo e cruzou rasteiro, mas Bruno Mendes não conseguiu aproveitar.

O Coritiba apareceu pela primeira vez com força no ataque aos 23 minutos, com Wellington Simião mandando uma bomba que explodiu na defesa e saiu pela linha de fundo. A resposta foi imediata, com Denner pegando de primeira e parando em grande defesa de Wilson. Aos 31 minutos, Willian Oliveira aproveitou cruzamento na medida para testar e parar em Wilson. O jogo era bom e, aos 36 minutos, foi a vez de Vitor Carvalho subir na área e testar por cima da meta. Até que, aos 43 minutos, Guilherme Parede, subiu para cabecear e deixar tudo igual.

Para a segunda etapa, as equipes retornaram sem modificações. E o Bugre novamente foi rápido, com Bruno Mendes desencantando após cobrança de escanteio e testada certeira no meio da área. Aos sete minutos, Denner recebeu bom passe na entrada da área, chutou forte e parou em mais uma boa defesa de Wilson. O troco veio aos 16 minutos, com Guilherme Parede, que chutou cruzado para boa intervenção de Oliveira.

O ritmo da partida caiu, com as equipes truncando a disputa no meio-campo. O Guarani chegou duas vezes com perigo, aos 23 e aos 25 minutos, as duas vezes com Éverton Alemão, primeiro aproveitando cruzamento de Pará para cabecear para fora. Na sequência, cobrando falta que Wilson buscou no cantinho para salvar. O técnico Eduardo Baptista apostou então na esteia do atacante Jontas Belusso, mudando também o esquema tático, tirando o volante Simião.

Bugre no ataque, aos 31 minutos, com Matheus Oliveira servindo Bruno Mendes, que dessa vez finalizou completamente torto, pela linha de fundo. O Coritiba tentou pressionar nos minutos finais, mas encontrou pela frente uma defesa bem postada. Aos 39 minutos, Uillian Correia dominou na área, chutou na saída do goleiro e Pará apareceu para se atirar na bola e salvar. Aos 45 minutos, falta para o Coritiba na entrada da área, mas o levantamento de Alisson Farias não foi aproveitado e, com isso, o jejum de vitórias como visitante mantido.

Fonte: Gazeta Esportiva

Comentários

MAIS NO TH