Esporte

10 de maio de 2018 23:25

Corinthians vence o Vitória e garante vaga nas quartas da Copa do Brasil

No aniversário de 4 anos da Arena, Romero brilha com dois gols e ajuda equipe de Fábio Carille a avançar na competição

↑ Foto: Reprodução

O Corinthians bateu o Vitória por 3 a 1, nesta quinta-feira (10), na Arena, e garantiu vaga nas quartas de final da Copa do Brasil. Com dois gols, Ángel Romero foi o homem do jogo.

Maycon, autor do primeiro gol, e Pedrinho e Mantuan, que fizeram ótimas jogadas pela direita, também foram destaques da equipe de Fábio Carille em Itaquera. André Lima descontou para o Leão.

A vitória em casa acaba com o jejum de quatro jogos sem vencer do Corinthians, que havia empatado duas partidas e perdido outras duas nos últimos confrontos.

Com a classificação, o Alvinegro Paulista se junta a Grêmio e Flamengo no grupo dos três primeiros garantidos nas quartas de final da Copa do Brasil.

Na 1ª etapa, Timão insiste e abre placar com Maycon

Logo no primeiro minuto, Rodriguinho foi acionado na área e chutou rasteiro, mas Caíque defendeu.

Aos quatro minutos, Sidcley cruzou fechado pela linha de fundo, mas o goleiro do Vitória saiu bem e ficou com a bola.

Maycon recebeu passe de Rodriguinho aos 19 e soltou a bomba, mas Caíque espalmou.

Aos 24, Mantuan avançou pela direita, deixou a marcação para trás, invadiu a área e chutou forte, mas o goleio do Vitória defendeu de novo.

Aos 36, em contra-ataque do Vitória, Yago recebeu pela direita e arriscou o chute de longe, mas Cássio fez boa defesa.

Caíque, que fazia boa partida, falhou aos 38 e deu o primeiro gol de presente ao Corinthians.

Gabriel cruzou rasteiro pela direita e o goleiro do time baiano espalmou para o meio da área, onde Maycon apareceu sozinho e chutou de primeira para o fundo do gol.

No 2º tempo, Romero brilha e faz dois gols

Na etapa final, Romero ampliou. Aos 13 minutos, em contra-ataque do Timão, Jadson encontrou o paraguaio livre na grande área. Romero dominou e chutou, mas Caíque espalmou. Na sobra, o próprio atacante completou para o fundo do gol.

Aos 20, mais um gol do paraguaio. Romero recebeu pela entrada da área e encheu o pé, mas Caíque espalmou. Na sobra, Sidcley pegou a bola e cruzou pela ponta esquerda. O camisa 11 subiu bem e, no susto, completou de cabeça para marcar o terceiro do Alvinegro.

Pedrinho, aos 26 minutos, fez grande jogada. Ele recebeu pela intermediária, deixou três jogadores para trás e soltou a bomba, mas a bola explodiu no travessão.

Três minutos depois, mais uma boa chance. Após troca de passes do Corinthians, Rodriguinho recebeu pela esquerda e encheu o pé, mas Caíque fez ótima defesa.

O Vitória diminuiu aos 31 minutos. Após cruzamento pela direita, André Lima apareceu sozinho e desviou de cabeça para marcar o primeiro do Leão.

Aos 44, após falta dura em Mateus Vital, José Welison recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso do jogo.

Maior artilheiro da Arena

Em seus quatro anos de existência, a Arena Corinthians recebeu gols de jogadores como Paolo Guerrero, Jô, Jadson e Rodriguinho.

O maior artilheiro da história do estádio é, no entanto, o paraguaio Romero.

Com os dois gols marcados contra o Vitória, ele chegou a 23 tentos marcados na casa corintiana. Atrás dele, na segunda colocação está Jadson, com 20.

Fonte: R7

Comentários