Esporte

18 de janeiro de 2018 21:56

CSA vai buscar empate com Sampaio Corrêa nos minutos finais

Bolívia Querida vencia até os 43 minutos do segundo tempo

↑ CSA começou a Copa do Nordeste com empate no Rei Pelé (Foto: Ascom/CSA)

Parecia que a noite seria de Andrey. O goleiro estava segurando a vitória do Sampaio Corrêa, por 1 a 0, até os 43 minutos do segundo tempo, quando Bruno Veiga aproveitou o bate e rebate dentro da área para garantir o empate ao CSA. O jogo realizado nesta quinta-feira (18), no Rei Pelé, em Maceió, foi válido pela 1ª rodada da Copa do Nordeste.

Azulão e Bolívia Querida somaram seus primeiros pontos na competição e dividem a vice-liderança do Grupo D, atrás do Ceará, que venceu o Salgueiro na estreia e está na liderança isolada. Já o Carcará do Sertão amarga a lanterna, sem nenhum ponto.

JOGO

Nos minutos iniciais, o CSA encontrou muitas dificuldades para escapar da marcação do Sampaio Corrêa, que apostava nas jogadas pelas laterais do campo. Aos 19, Celsinho cruzou e Michel cabeceou com muito perigo. Depois foi a vez de Marcos Antônio assustar em chute de longa distância. O Azulão, porém, foi surpreendido aos 27 quando Bruno Moura aproveitou cruzamento de Reginaldo e abriu o placar para a Bolívia Querida.

O gol do adversário ligou o CSA, que partiu com tudo em busca do empate e criou pelo menos duas boas oportunidades antes do intervalo. Marcos Antônio soltou a bomba e Andrey defendeu com segurança. Na sequência, Leandro Souza rolou, Didira deixou passar e Daniel Costa bateu para grande intervenção do goleiro.

O panorama do jogo não mudou no segundo tempo. Marcos Antônio cobrou escanteio e a bola sobrou para Didira soltar a bomba. Andrey, mais uma vez, salvou o Sampaio Corrêa. O goleiro voltou a trabalhar novamente aos 17 minutos em chute cruzado de Daniel Costa após passe de Michel.

Pressionado pela torcida, que esboçava as primeiras vaias, o CSA errava muitos passes e não conseguia mais criar. Quem quase marcou foi o Sampaio Corrêa em chute de Rodrigo Fumaça na rede pelo lado de fora. E quando parecia que o jogo terminaria com a vitória da Bolívia Querida, o Azulão empatou aos 43. Após confusão dentro da área, a bola sobrou para Bruno Veiga completar.

O CSA volta a campo no próximo dia 30, contra o Ceará, às 22h45, no Castelão, em Fortaleza, pela segunda rodada. Já o Sampaio Corrêa recebe o Salgueiro apenas no ida 8 de janeiro, também no Castelão, mas em São Luís.

Fonte: Redação com Agência Futebol Interior

Comentários