Autos & Motos

30 de setembro de 2019 23:16

Volkswagen celebra marco de 100 mil Virtus produzidos

Modelo, juntamente com o Polo, deu inicío à maior ofensiva de produtos da Volkswagen no país

O sedã Virtus conquistou a importante marca de 100 mil unidades produzidas na fábrica Anchieta, em São Bernardo do Campo (SP). A unidade que representa essa conquista é um Virtus Highline na cor Azul Night. O sedã foi lançado em janeiro de 2018 e se tornou sucesso da Volkswagen na América Latina.

“O Virtus é um dos veículos que simbolizam a Nova Volkswagen que estamos construindo. Ele foi desenvolvido no Brasil e introduziu inovações tecnológicas importantes, como o Manual Cognitivo, que trouxe atratividade e interatividade para o manual do proprietário. Ele é o 1º carro do mundo a utilizar inteligência artificial IBM Watson para responder perguntas sobre todos os detalhes do veículo”, afirma Pablo Di Si, Presidente e CEO da Volkswagen América Latina.

Desenvolvido inteiramente no Brasil, a partir da Estratégia global MQB, o Virtus ocupa atualmente a vice-liderança nas vendas varejo entre os sedãs compactos no mercado brasileiro. Com grande sucesso no Brasil, o modelo acaba de ganhar mais um mercado de exportação: o México, onde chega na versão Comfortline 1.6l MSI com transmissão automática e manual.

Só em 2019, serão enviadas para o mercado mexicano cerca de 8 mil unidades. Terceiro modelo mais exportado da VW em 2019, ele está presente agora em 10 mercados da América Latina: Argentina, Chile, Colômbia, Equador, Peru, Paraguai, Uruguai, Curaçau, Costa Rica e México.

“Além de ser produzido com níveis de acabamento que seguem os mais rigorosos padrões de qualidade dos sedãs da Volkswagen no mundo, o modelo recebeu a nota mais alta nos testes de impacto da Latin NCAP na proteção de adultos e crianças.

Comentários