Autos & Motos

24 de setembro de 2019 23:52

Ka Sedan consolida vice-liderança

Novo motor três cilindros 1.5 Ti-VCT, com 136 cavalos, é o mais potente da categoria

↑ Reprodução

O Ford Ka Sedan foi o segundo mais vendido entre os sedãs de entrada em agosto, pelo terceiro mês consecutivo. As 4.593 unidades emplacadas deram ao modelo uma participação de 12,9% no segmento. No acumulado do ano ele também é o vice-líder, com 34.491 unidades e 12,1% de participação.

Esse desempenho reflete a boa aceitação das mudanças introduzidas na linha no ano passado. Além de receber nova motorização e câmbio, o sedã da Ford teve a carroceria reestilizada, refinou o acabamento interno e ampliou a oferta de equipamentos.

O novo motor três cilindros 1.5 Ti-VCT, com 136 cv, é o mais potente da categoria e dá um comportamento ágil ao Ka Sedan. Associado à transmissão automática de seis velocidades, com funcionamento eficiente e suave, ele proporciona uma ótima dinâmica tanto na aceleração como nas retomadas, com baixo consumo. O modelo pode vir também com o avançado motor 1.0 Ti-VCT de três cilindros e 85 cv.

Na lista de equipamentos, além de quatro airbags, bancos com acabamento premium, botão de partida Ford Power, câmera de ré e sensor de estacionamento, o Ka Sedan oferece a central multimídia SYNC com tela flutuante de 7 polegadas.

O Ford Ka Sedan 2020 conta com oito versões: SE 1.0 (R$50.480) e SE Plus 1.0 (R$53.980), com transmissão manual; SE 1.5 com transmissão manual (R$56.530) ou automática (R$62.030); SE Plus 1.5, com transmissão manual (R$60.030) ou automática (R$64.850); SEL 1.5 automático (R$69.090); e Titanium 1.5 automático (R$73.290).

Fonte: Assessoria

Comentários