Autos & Motos

24 de setembro de 2019 23:38

Americano se emociona ao recuperar Ford Mustang

Homem precisou vender o veículo há 17 anos para pagar tratamento médico para a esposa

Um Ford Mustang 1993 foi o pivô de uma história emocionante nos Estados Unidos, ao retornar para o seu dono depois de 17 anos. Wesley Ryan, de San Antonio, Texas, precisou vender o carro que adorava para pagar o tratamento médico da esposa, Laura, diagnosticada com câncer de ovário. Felizmente, ela se curou, mas a família nunca esqueceu do Mustang. Afinal, o esportivo fazia parte da sua história.

“A venda do carro foi um dos maiores sacrifícios que já vi meu pai fazer por nós”, diz seu filho, Jake. “Eu sei o quanto ele ficou triste ao ver aquele Mustang ir embora. Um dia que nunca esquecerei.”
Em 2017, Jake encontrou o carro à venda em um site de leilões e não teve dúvida: o comprou para fazer uma surpresa ao pai, que ficou visivelmente comovido. Embora ainda tivesse uma boa estrutura, o velho Mustang precisava de alguns reparos e o projeto era recuperá-lo num prazo de três a quatro anos. Mas o vídeo da história viralizou nas redes sociais e chegou até a Ford.

“Quando eu soube da família Ryan, sabia que tinha de fazer algo por eles”, diz Bill Ford, presidente do Conselho da empresa, que se sensibilizou com a história e ofereceu não só a restauração, mas um tuning completo do veículo, encomendado à famosa Hennessey Performance.

“Sempre nos perguntam se fazemos restaurações e recusamos 99% desses projetos por falta de previsão de tempo e custo”, diz John Hennessey, CEO da preparadora. “O objetivo do nosso negócio é modificar veículos novos ou seminovos para aumentar a potência. Portanto, tentamos manter o tempo de preparação em 30 dias ou menos. Mas aceitamos o desafio de restaurar o carro dessa família especial”.

Comentários