Entretenimento

3 de abril de 2020 17:41

Três mulheres acusam ex-BBB Felipe Prior de estupro e tentativa de estupro

Prior teria cometido os estupros durante os jogos universitários das faculdades de arquitetura e urbanismo de São Paulo (InterFAU). Ex-BBB não quis comentar os fatos

↑ Foto: Reprodução/Instagram

O ex-participante do programa Big Brother Brasil da Rede Globo de Televisão Felipe Prior foi acusado de estupro por duas mulheres. Além disso, uma terceira o acusa de tentativa de estupro. As informações foram divulgadas na edição desta sexta-feira da revista Marie Claire. A publicação trouxe o depoimento das mulheres.

O primeiro caso teria acontecido em 2014, durante os jogos universitários das faculdades de arquitetura e urbanismo de São Paulo (InterFAU). Felipe Prior teria oferecido carona a uma jovem e no meio do caminho teria parado o carro e concretizado o estupro no banco de trás do veículo. Ainda segundo o relato dela, o ex-BBB estava alcoolizado. A mulher revela ainda que após o ato foi ao hospital por conta de sangramentos. Entretanto, ela não revelou aos médicos o motivo, mas recebeu um laudo de laceração em seu lábio vaginal.

“Simplesmente coloquei a violência que sofri debaixo do tapete por seis anos. Achei que não lidando com ela, sumiria em mim. Atrasei dois anos da minha faculdade por causa do estupro. Tranquei todas as matérias do curso porque vê-lo todos dias era torturante. Ele é um cara impulsivo, agressivo. O que mostrou no BBB não chega perto do que é na vida real. Tenho medo do que pode fazer, mesmo diante de uma acusação formal, com advogada e tudo. Mas não posso mais guardar esse mal para mim”, afirmou a mulher para a revista.

O segundo caso teria acontecido na edição de 2018 da InterFAU. A mulher que fez a denúncia para a revista disse que o ato sexual começou com consentimento dela. Mas, como o ex-BBB teria ficado agressivo ela pediu, sem sucesso, para interromper a relação. O fato teria acontecido dentro de uma barraca.

Felipe Prior não quis comentar acusações de estupro

Já a tentativa de estupro teria acontecido ainda em 2016, durante o InterFAU. Porém, também dentro de uma barraca, a mulher que estava sofrendo a violência conseguiu reagir, empurrando o ex-BBB e fugindo.

A organização dos jogos universitários das faculdades de arquitetura e urbanismo de São Paulo (InterFAU) por meio de nota confirmou que o ex-BBB foi expulso dos jogos após denúncia de assédio em 2018. Entretanto, disse que não havia conhecimento de que o estupro havia sido consumado

A assessoria de imprensa de Felipe Prior negou o caso para a revista Marie Claire. A reportagem ainda teria procurado Felipe Prior, que não quis comentar o caso. A Rede Globo ainda não se posicionou sobre o caso.

Fonte: Ndmais

Comentários

MAIS NO TH