Entretenimento

8 de fevereiro de 2019 11:56

Pabllo Vittar é acusada de calote na compra de apartamento em Uberlândia

O imóvel, de acordo com o colunista Leo Dias, foi adquirido em fevereiro de 2017, quando a artista estourou nacionalmente, pelo valor de R$ 146 mil.

A cantora Pabllo Vittar está sendo acusada de não pagar o valor completo do apartamento que comprou para a mãe. O imóvel, de acordo com o colunista Leo Dias, foi adquirido em fevereiro de 2017, quando a artista estourou nacionalmente, pelo valor de R$ 146 mil.

Localizado em Uberlândia, Minas Gerais, ele foi comprado com entrada de R$ 36 mil para Osvaldo Albino de Oliveira Junior, o então dono do imóvel, com a promessa de que o restante do valor, R$ 110 mil, seriam depositados na conta do vendedor até o dia 20 de abril.

O proprietário precisava da quantia para quitar o saldo devedor do imóvel junto à Caixa Econômica Federal, pois o apartamento havia sido financiado pelo banco, mas Pabllo Vittar depositou apenas R$ 99.000,50 com um atraso de três meses, no dia 24 de julho de 2017.

Diante da situação, a instituição financeira fez a aplicação dos juros e o valor passou a ser de R$ 16.086,89, de acordo com o processo de número 0710423-76.2018.8.07.0001, que corre na 11 ª Vara Cível de Brasília.

Fonte: TVFoco / Lucas Medeiros

Comentários

MAIS NO TH