Entretenimento

18 de outubro de 2018 09:52

Quinta Sinfônica apresenta orquestra de cordas com repertório de obras do século XX

Concerto gratuito será nesta quinta (18), às 20h, no Teatro Deodoro

↑ Assessoria

A Orquestra Sinfônica da Ufal está de volta ao palco do Teatro Deodoro com o projeto Quinta Sinfônica em uma formação diferente: grupo de cordas para apresentar um repertório de composições do século XX. O concerto será nesta quinta-feira (18/10), às 20h, com entrada gratuita.

O grupo de cordas, composto por violinos, violas, violoncelos e contrabaixos, será comandado pelo maestro Fellipe Teixeira, convidado pelo regente titular da orquestra, Almir Medeiros. “O repertório do nosso concerto traz importantes obras do século 20, da música do mundo e brasileira, para a formação de orquestra de cordas. Estamos trazendo sons diferentes dos já conhecidos temas do século XIX e a escolha da formação orquestra de cordas se deu pela facilidade de encontrar mais material para esta formação”, disse o maestro.

No repertório, tem peças nordestinas do compositor pernambucano Clovis Pereira e do carioca Ernani Aguiar, com os quatro momentos musicais n3″. Destaque também para a obra Danzon #6, do mexicano Arturo Marques, para orquestra de cordas e saxofone soprano solo. Nesta peça, o solista será o saxofonista Kleber Dessoles, professor da Escola Técnica de Artes da Ufal.

Sobre o maestro

Natural de Palmeira dos Índios-AL, Fellipe Teixeira é professor substituto de Regência e Teoria Musical na Ufal, regente e saxofonista. É licenciado em Música pela Ufal (2015) e mestre em Música-Regência, com ênfase em práticas interpretativas em música dos séculos XX e XXI, pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2017). Ele também é regente titular e diretor artístico da Banda Sinfônica da Ufal.

Em 2017, foi regente titular da Camerata Nova de Música Contemporânea da UFRN, regente assistente da Orquestra Sinfônica da UFRN (2016) e da Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte (2018) e regente convidado da Banda Sinfônica da UFRN (2018). Há quatro anos, ganhou o concurso Jovens Solistas e Regentes, na categoria Regente, no 14º Festival Eleazar de Carvalho em Fortaleza–CE e, em 2015, frequentou a International Conducting Academy, em Braga-Portugal.

Sobre o Quinta Sinfônica

Fruto de uma parceria entre a Diretoria de Teatros do Estado de Alagoas, Diteal, Secretaria de Estado da Cultura de Alagoas, Secult, e Universidade Federal de Alagoas, Ufal, o Quinta Sinfônica oferece concertos gratuitos ao público, sempre na última quinta-feira do mês, excepcionalmente, ocorre na penúltima quinta, como é o caso de outubro deste ano. Desde 2011, como um projeto de extensão da Ufal, o projeto mantém uma pauta permanente no Teatro Deodoro e vem conseguindo apresentar um repertório de músicas eruditas e regionais e formar público para concerto.

Fonte: Assessoria

Comentários

MAIS NO TH