Entretenimento

7 de março de 2017 11:29

À beira da morte, Letícia espera parto da mãe para fazer transplante

Com a volta do câncer de Letícia (Isabella Santoni), A Lei do Amor repetirá um drama retratado na novela Laços de Família (2000). A vida da jovem vai depender de um transplante de medula, e o doador será o irmão que sua mãe está gerando, assim como aconteceu com Camila (Carolina Dieckmann) na trama de Manoel Carlos. 

Dois saltos no tempo mostrarão Letícia definhando à espera do transplante. A primeira bateria de quimioterapia não surtirá efeito. O médico dará a notícia à família quando Helô (Cláudia Abreu) estiver completando quatro meses de gestação.

Toda a família vai se submeter a exames, mas nem Edu (Matheus Fagundes), meio-irmão de Letícia, nem Helô e Pedro (Reynaldo Gianecchini), pais da jovem, serão doadores compatíveis.

“A Helo? esta? gra?vida, e o bebe? e? irma?o consangui?neo da Leti?cia”, avisará o velejador. “O bebe? e? pequeno demais pra doar a medula, mas podemos fazer o transplante partindo de material colhido no corda?o umbilical”, explicará o oncologista.

Helô vai se desesperar por ainda faltarem cinco meses para o parto. “Seria melhor encontrarmos um doador antes disso! Sena?o, eu aumento em mais dois meses o tratamento da Leti?cia, e a gente faz o transplante no dia do parto. A sua filhinha e? mais forte do que voce? pensa. As chances sa?o boas, mas garantia na?o existe, Helo?”, alertará o médico.

Lágrimas e luta pela vida
Essa cena está prevista para ir ao ar dia 23, na reta final da novela, prevista para terminar dia 31. Um clipe com cenas emocionantes, sempre de carinho e apoio entre Letícia e a família, será exibido para marcar a passagem de tempo.

Helô surgirá barriguda de oito meses na sequência seguinte. Letícia chegará em casa depois de ter alta médica. “Letícia fraca e pálida, entrando amparada por Edu e Pedro. Já não consegue ficar de pé sozinha. Helô os acompanha. A voz de Letícia continua firme, de quem quer viver, mas sua fala é mais lenta e sumida, fala de um organismo que está falindo”, orienta o roteiro.

“Eu na?o entendo como o doutor Lago foi dar alta pra voce?. Voce? mal consegue se manter em pe?”, reclamará Helô. “Olha quem fala, dona do barriga?o”, responderá Letícia. Edu vai dizer que era melhor eles morarem todos juntos, mas Letícia falará que não aguentaria ver a mãe olhando para ela e chorando pelos cantos.

À espera pelo transplante
Mesmo definhando, a jovem passará a mão na barriga da mãe e lamentará que, mesmo antes nascer, o irmão já tem a missão de vir ao mundo para salvar sua vida.

O bebê vai mexer no ventre de Helô. “Ele esta? querendo sair dai? logo pra ajudar a irma?”, falará a galerista, emocionada e contendo as lágrimas.

Em Laços de Família, diferentemente da atual novela das nove, a mãe da personagem com leucemia, Helena (Vera Fischer), ainda escondia quem era o verdadeiro pai da filha quando ela descobriu a doença.

Para salvar a vida da filha, Helena desistiu de se casar com Miguel (Tony Ramos) e se reaproximou de Pedro (José Mayer) para engravidar e gerar um doador de medula para a Camila.

A filha de Helena e Pedro nasceu e foi batizada com o nome de Vitória. O transplante de medula foi realizado com sucesso, e Camila se recuperou totalmente da doença. Laços de Família foi a trama de estreia de Gianecchini na TV. Na história, ele fez Edu, o marido de Camila.

 

Fonte: NoticiasdaTV

Comentários

MAIS NO TH