Entretenimento

29 de dezembro de 2016 19:52

'A Terra Prometida': confira o resumo dos próximos capítulos da novela

Samara ameaça Quemuel e diz que contará a todos sobre a verdadeira mãe de Aruna

A Rede Record divulgou no resumo dos próximos capítulos da novela “A Terra Prometida” que Yussuf consegue desarmar Calebe.

No capítulo 127, quinta-feira, 29 de dezembro – Kamir pede para deixarem a comitiva entrar. Calebe age com firmeza e diz ser o verdadeiro rei de Jerusalém. Adonizedeque entra na sala do trono e enfrenta Calebe. Josué e Aruna fazem planos para o futuro. Adonizedeque diz conhecer Arauto. Kamir então pergunta ao mensageiro qual dos dois é o verdadeiro rei. Eleazar diz ter orgulho de Finéias. Mara encontra um leproso e oferece alimento em troca de um favor. Arauto finge lembrar de Calebe e diz que ele é o verdadeiro rei. Kamir então manda os guardas prenderem Adonizedeque. Calebe respira aliviado. Úrsula chora na prisão. Mara combina com Jéssica um jeito de fazer com que o leproso se aproxime de Raabe. Darda aconselha Yana a falar com Léia. Calebe tem a ideia de tomar Melina como refém. Escondida, a princesa escuta a conversa e revela sua presença. Ela diz que vai ajuda-los a deixar o palácio. Mara diz ser contra a filha ir morar com Elói. Calebe, Melina, Elói e Otniel começam a planejar a fuga. Deus fala com Josué e diz que é hora de invadir Ai. O líder comunica o aviso aos outros guerreiros e começa a planejar o ataque. Calebe finge fazer Melina refém e liberta Iru da prisão. Josué e os guerreiros falam sobre o ataque ao reino de Ai. Haniel se abre com Tirda e fala sobre o seu passado. Yussuf não encontra Melina no quarto e diz que vai matá-la. Darda pede para falar a sós com Léia. Calebe agradece a ajuda de Arauto e deixa a casa de Tiléia com sua comitiva. Kamir fica perplexo ao saber que prendeu o verdadeiro rei de Jerusalém.

Fingindo-se de nobre, Otniel grita ordenando que os guardas aram os portões. Kamir convida Adonizedeque para um banquete. Yussuf deixa o palácio em busca dos hebreus. Calebe a falsa comitiva segue fugindo de Ai. Adonizedeque diz não querer fazer aliança com Kamir. Jordi pede para seguir com a comitiva do verdadeiro rei de Jerusalém, que se recusa a levar o feiticeiro. Sem ser vista, Ravena observa a atitude de seu assistente. O leproso caminha tentando se esconder. Quemuel estranha ao saber que a esposa foi até a tenda de Darda. Josué avisa que no dia seguinte os hebreus atacarão o reino de Ai. Yussuf alcança a falsa comitiva de Calebe e atira uma flecha em Melina. Iru grita desesperado. Léia fica impressionada ao se deparar com Yana. O leproso chega até a tenda de Raabe e abraça Milah. Ravena engana Kamir e o rei é assassinado por Yussuf. O general e a feiticeira são nomeados novos reis de Ai. Eles desfilam pela cidade. Zaíra tenta pedir perdão à Ravena, mas acaba sendo atropelada e morre. As crianças libertam o gigante Talmal. Josué passa as coordenadas do ataque ao seu povo. Salmon e outro pelotão seguem em outra direção. Os soldados avisam sobre a aproximação dos hebreus. Yussuf e Ravena seguem galopando em direção aos portões da cidade. Orias pede perdão à Raabe. Elói manda Ioná a escolher entre ele e Mara. Ravena e Yussuf observam a aproximação do Exército de Israel.

A rainha diz que o pelotão de hebreus não é tão grande. O general grita mandando seus homens avançarem. Josué diz que os inimigos morderam a isca. Ioná se mostra indecisa e Elói deixa a tenda de Mara. Aruna o ampara. Salmon avisa para os guerreiros esperarem o momento certo para o ataque. Josué luta com dois cananeus. Yussuf enfrenta um guerreiro hebreu. Calebe parabeniza a bravura de Iru. Yussuf diz que Ravena fica ainda mais linda lutando. Samara tenta conversar com Léia sobre a visita de Darda, mas ela desconversa. Os guerreiros hebreus fingem abandonar o combate. Yussuf ordena que seus homens os persigam. Samara procura Darda para uma conversa. Deus manda Josué estender a lança na direção de Ai. O pelotão de Salmon aproveita o momento e invadem a cidade. Darda diz que Samara deve fazer perguntas à Léia. A vilã conversa com Yana e fica desconfiada. O pelotão de Salmon segue destruindo a cidade de Ai. Otniel salva a vida de Iru na batalha. Noemi conversa com Acsa e pergunta se a filha está interessada em Otniel. Ravena tenta atirar uma bola de fogo em Josué, mas seu poder não funciona contra o líder. A bola de fogo acaba explodindo na própria feiticeira, que morre queimada. Samara pergunta se Léia conhece Yana. Yussuf consegue desarmar Calebe.

No capítulo 128, sexta-feira, 30 de dezembro – Yussuf consegue desarmar Calebe. Talmal aparece e salva o guerreiro. O gigante joga o general longe. Léia manda Samara esquecer que viu Yana. Josué finalmente consegue acertar Yussuf. O líder agrade a Deus pela Vitória. Léia sede a pressão de Samara e revela que Yana é mãe de Aruna. Os hebreus arrastam o corpo de Yussuf e conquistam a cidade inimiga. Samara diz que dará um jeito para fazer com que Yana e Aruna sofram. Ioná conversa com Mara e avisa que não ficará longe de Elói. Léia implora para Samara não fazer besteira. Salmon reencontra Raabe e Lila. Josué discursa para o povo. Talmal volta ao acampamento. Aruna se declara para Josué. O líder e Calebe agradecem a ajuda de Talmal. As crianças presenteiam o gigante, que se despede. Acsa pede perdão por ter zombado de Otniel. Calebe se abre com Noemi e diz que Laís se declarou para ele.

No capítulo 129, segunda-feira, 02 de janeiro – Em Jerusalém, Ula trabalha na taberna de Lina. Mireu elogia a beleza da ex rainha de Ai. O Oficial do rei avisa sobre a destruição de Ai. Elói lamenta a ausência de Ioná. O rei Adonizedeque diz estar preparado para guerrear contra os hebreus e manda Abul fazer contatos com os reinados vizinhos. Josué fala para os guerreiros que a jornada ainda não terminou. Mireu consegue agradar Úrsula, a filha mimada do rei Adonizedeque. Calebe e Noemi devolvem o punhal dado por Laís. Enciumada, a moça fica remoendo o ódio. Salmon e Josué anunciam seus casamentos com Raabe e Aruna. Furiosa, Samara chora e diz já saber como se vingar. Ioná diz aceitar morar com Elói. Elias tenta amparar Jéssica. Mara tenta impedir a filha de abandonar sua tenda, mas Ioná se mostra decidida. Descontrolada, Jéssica segue chorando, tropeça e acaba caindo em um riacho. Samara procura Quemuel e diz que ele precisa impedir o casamento de Aruna e Josué. A vilã ameaça o próprio pai e diz que contará a todos sobre a verdadeira mãe de Aruna.

No capítulo 130, terça-feira, 03 de janeiro – Samara ameaça Quemuel e diz que contará a todos sobre a verdadeira mãe de Aruna. Iru vê Jéssica se afogando e salva sua vida. Quemuel conversa com Samara e revela toda a verdade. Iru diz que Jéssica encontrará um novo amor. Léia repreende a atitude da filha. Elói e Ioná se instalam na nova tenda. Mara aparece para conhecer o local. Samara continua chantageando Quemuel. Elidade presenteia Rune com uma cela especial que o possibilita andar a cavalo. Raabe se prepara para o casamento. Quemuel e Samara seguem para a tenda de Josué. O veterano diz permitir a união entre ele e Aruna. Samara fica possessa. Aruna conversa com Ioná e mostra o vestido de noiva. Orias se declara para Milah. Eleazar dá início à cerimônia. Samara observa com raiva. Elói se emociona. Gael começa a se expressar mais. Escondida, Yana observa o casório. Adonizedeque diz que pedirá os conselhos de duas prisioneiras.

No capítulo 131, quarta-feira, 04 de janeiro – Abul explica que o rei mantém a rainha e sua mãe aprisionadas. No acampamento, Iru se recorda de Melina. Ele vê Jéssica chorando e a ampara. Com raiva, Laís observa Calebe. Adonizedeque diz que formará uma coalisão invencível com os reis vizinhos. Os noivos recebem o carinho dos convidados. Isaque chama Adélia para uma dança. Orias diz amar Raabe. Salmon agradece todo o apoio de Zuma. Raabe diz que tratará Lila como uma filha. Elias se irrita com as reclamações de Mara e Jogli. Na taberna de Lina, Mireu trata Ula com carinho e delicadeza. Otniel chama Acsa para dançar. Quemuel diz torcer pela felicidade de Aruna. Samara constrange Yana e pede para ela dar os parabéns aos noivos. Josué se declara para Aruna. Oito meses se passam. Grávida, Raabe recebe o carinho de Salmon. Livana cuida de seus dois bebês gêmeos. Boã, Sama e Ruth paparicam a menina que nasceu. Josué diz que é preciso estarem preparados para uma nova guerra. No palácio de Jerusalém, Adonizedeque recebe os reis de Hebron, Jarmute, Laquis, Eglon e Gibeão. Milah se desespera ao notar uma mancha branca na pele.

No capítulo 132, quinta-feira, 05 de janeiro – Orias tenta saber o que está afligindo Milah, mas ela esconde a mancha na pele. Adonizedeque conversa com os outros reis. Os monarcas Pirã e Debir se mostram preocupados. Zaqueu volta a treinar com os outros guerreiros. Tobias fica irritado. Maquir se distrai ao prestar atenção em Rune e Livana. Aruna tem dificuldades em preparar um bom almoço para Josué. O rei Zareg diz aceitar a proposta da aliança com Adonizedeque. Josué e Aruna seguem em direção à tenda de Calebe. Samara e Tobias lamentam a falta de seus grandes amores. Maquir tenta disfarçar a preocupação com o relacionamento de Rune e Livana. Ele desabafa com Haniel e diz ter algo mal resolvida com uma moça. O chefe tribal aconselha o filho a pedir perdão a ela. Milah conta para Orias sobre a sua suspeita de estar com lepra. Adonizedeque e os outros reis formam a ‘coalisão invencível’.

No capítulo 133, sexta-feira, 06 de janeiro – Úrsula diz não confiar no monarca Zareg. Aruna e Josué almoçam com Noemi e Calebe. Adonizedeque faz um ritual pedindo proteção aos deuses. Yana se oferece para ensinar Aruna a cozinhar. O rei Zareg conversa com Bogotai, o general de Gibeão, e com Racal, o sacerdote. Zareg avisa que não pretende formar aliança com Jerusalém, mas sim com os hebreus. Orias e Milah procuram Darda. Com ódio, Laís observa Calebe e Noemi. Milah se desespera ao ouvir Darda dizer que ela está com lepra. Mireu se abre com Ula e revela seu sentimento por ela. Josué é avisado sobre a doença de Milah. O líder avisa que ela deverá deixar o acampamento. Mara fica satisfeita com a situação de Milah. Jéssica se mostra preocupada. Salmon consola Raabe. Aiúde reclama da falta de compaixão de Mara. Raabe tenta amparar os irmãos. Jogli e Paltiel conversam e concordam com Mara. Orias diz que seguirá com Milah para fora de Gilgal. Com um punhal na mão, Laís se aproxima de Noemi com expressão de ódio.

No capítulo 134, segunda-feira, 09 de janeiro – com um punhal na mão, Laís se aproxima de Noemi com expressão de ódio. Inês chega e a moça se esconde com o punhal. Milah e Orias chegam a uma caverna e encontram outros leprosos. Úrsula diz não gostar do rei Zareg. Josué e Aruna visitam Salmon e Raabe. Laís espera Inês ir embora e ataca Noemi com o punhal. Calebe se preocupa com a demora da esposa. Noemi tenta acalmar Laís. Acsa e Otniel procuram por Noemi no acampamento. Os reis conversam na ausência de Adonizedeque. Racal e Bogotai se mostram receosos com o plano do rei Zareg de juntar aos hebreus. Yana conversa com Aruna e dá alguns conselhos culinários. Samara pede a ajuda de Tobias para matar Yana. Josué elogia o almoço preparado por Aruna. Bogotai conversa com Racal e Zareg. Ele diz ser filho de Cosby e revela seu desejo de se vingar de Finéias. Acsa e Otniel procuram por Noemi em todo o acampamento. Zareg convence Racal e Bogotai de se infiltrarem em Gilgal.

No capítulo 135, terça-feira, 10 de janeiro – Milah agradece o apoio de Orias. Elias pergunta se Jéssica não se interessaria em Iru. Com mania de limpeza, Haniel limpa os objetos de sua tenda. Rune, Elidade, Livana e Laila se divertem com os bebês. Ruth toma conta de sua criança. Adonizedeque se despede de Zareg, Racal e Bogotai, que deixam o palácio. Bogotai vai até a taberna e oferece ouro em troca do favor de Lina. Aruna se oferece para ir com Elói até o celeiro. Bogotai pede um monte de roupas velhas. Elói e Aruna chegam no celeiro e se deparam com Noemi sendo atacada por Laís. Bogotai recebe as roupas velhas e pede alimentos estragados. Otniel e Acsa quase se beijam, mas são interrompidos por Iru. Elói avisa Calebe sobre o ataque no celeiro. Com os alimentos estragados e as roupas velhas, Zareg e os nobres deixam Jerusalém rumo ao acampamento hebreu. Na caverna dos leprosos, Milah se espanta ao ver o mesmo moribundo que a atacou. Zareg, Racal, Bogotai e o restante da comitiva se vestem como hebreus e seguem em direção à Gilgal. Calebe chega e tenta impedir que Laís faça alguma besteira.

No capítulo 136, quarta-feira, 11 de janeiro – Calebe chega e tenta impedir que Laís faça alguma besteira. Iru aproveita o momento oportuno e consegue desarmá-la. Aruna oferece amparo à laís. Orebe, o leproso que atacou Milah, diz que alguém o pagou para passar a doença para a família de Raabe. Noemi diz que perdoa Laís. Eleazar oferece ajuda à moça. Orias diz que avisará Raabe para ter cuidado. Raabe tenta consolar Nobá. Úrsula diz não confiar em Zareg. Adonizedeque diz que pedirá os conselhos de suas prisioneiras. A princesa implora para o pai deixá-la ver a mãe e a avó, mas o rei se recusa a atendê-la e a menina chora. Ula agradece pelo carinho e atenção de Mireu. Mara vai até a tenda de Ioná e se desentende com Elói. Lina diz que tentará ajudar Mireu a conquistar Ula. Ela também diz que Bogotai pagou caro por roupas velhas. Ioná concorda com a reclamação de Elói sobre Mara. Noemi agradece a Deus por estar com sua família. Tobias e Zaqueu se desentendem e Salmon chama atenção dos guerreiros.

No capítulo 137, quinta-feira, 12 de janeiro – Maquir se incomoda com a presença de Runa no treinamento. Léia escuta Samara conversar com Tobias e descobre que o filho também se envolveu na morte de Abel. Salmon permite que Rune volte a treinar com sua cela especial para montaria. Samra e Tobias dizem que são o reflexo de Léia. Elidade e Laila se enchem de felicidade com a família. Aruna se comporta de maneira séria e formal. Josué estranha o comportamento dela. Enciumada, Léia reclama da demora de Quemuel. Yana passa alguns ensinamentos para Aruna. Raabe cuida dos irmãos. Lila chega e avisa sobre a presença de um grupo de pessoas estranhas se aproximando do acampamento. Ula se abre com Lina e diz que não pensa em novo marido. Josué e os guerreiros encontram o grupo de Zareg. O rei mente e diz que são de um lugar distante, que vieram para se juntar aos hebreus. Maquir pede perdão à Livana. Josué recebe o grupo de Zareg no acampamento. Haniel tenta animar Maquir. Tirda avisa que Josué está chamando para uma reunião. Os hebreus permitem que os forasteiros fiquem na tribo Naftali. Orias encontra com Raabe e diz que alguma mulher está tentando fazer mal a ela. Bogotai reconhece Finéias e o olha com maldade.

No capítulo 138, sexta-feira, 13 de janeiro – Bogotai reconhece Finéias e o olha com maldade. Racal sorri para Mara. Zareg agradece a hospitalidade dos hebreus. Bogotai tenta se aproximar de Finéias. Raabe agradece o aviso de Orias. Bogotai se enturma com os familiares de Calebe. Orias se reencontra com Milah. Salmon questiona Jéssica, que diz não ter não saber de nada sobre o leproso. Racal se apresenta para Mara. Isaque e Pedael recebem Zareg. Haniel cobra organização dos filhos. Noemi diz que Acsa e Otiniel formariam um belo casal. Jéssica comenta com Mara sobre a desconfiança de Salmon. Zaqueu acusa Tobias de ter sabotado suas armas. Aiúde questiona o encontro de Mara com Jéssica. Ela desconversa. Samara e Léia reclamam da presença dos forasteiros no acampamento. Jéssica agradece pela companhia de Iru. Enciumada, Léia pergunta se Quemuel se encontrará com Yana. Ele nega. Josué diz que Aruna não deve se cobrar tanto e se declara para ela. Léia diz que precisa falar com Tobias. Racal e Bogotai são bem tratados por Eleazar e Finéias. Enquanto passeiam pelo acampamento, Léia diz ter visto Adara e Samara pensa que a mãe está louca. Felizes, Josué e Aruna dançam. Léia para a mulher e vê que não é Adara. Lina e Mireu conversam sobre a princesa Úrsula.

Fonte: Rede Notícia

Comentários

MAIS NO TH