Educação

15 de setembro de 2019 11:18

Alunos de Cacimbinhas têm experiências selecionadas para feira internacional no RS

Pesquisas nas área de Robótica e tratamento de solo serão apresentadas no próximo mês de outubro

↑ Estudantes vão representar o estado Alagoas, juntamente com outros projetos, na Mostra Internacional Fotos: André Souza (cortesia)

Orientados pelo professor André Souza, quatro alunos de escola da rede pública municipal de Cacimbinhas tiveram seus trabalhos científicos selecionados para a 34ª Mostra Internacional de Ciência e Tecnologia (Mostratec), que será realizada de 21 a 25 de outubro, na cidade de Novo Hamburgo, no Rio Grande do Sul.

Realizada há mais de três décadas, a mostra é uma das maiores feiras de jovens cientistas da América Latina.

Os estudantes do Ensino Fundamental e matriculados na Escola José Calado Cavalcante, no Povoado Minador do Lúcio, em Cacimbinhas, os alunos Eliel, Riquele, Maria Aparecida, José Guilherme e Marcos Paulo produziram dois experimentos na área de Robótica e Química, diretamente para o benefício da população do município.

Eliel e Riquele desenvolveram um protótipo intitulado ” SIMC – Sistema de Monitoramento do índice de Massa Corporal (IMC).

Nesse trabalho, os alunos-pesquisadores construíram um protótipo com base em Robótica e que permite a automação, coleta de dados, estatística e armazenamento de informações de pacientes quanto ao IMC. Dessa forma, os dados podem ser catalogados dos consultórios de nutricionistas para um banco de dados na Secretaria Municipal de Saúde e, posteriormente, compartilhados com a Secretaria Estadual de Saúde e Ministério da Saúde, possibilitando a orientação com informações de políticas públicas para o desenvolvimento de ações e prevenção de doenças relacionadas à obesidade.

Tratamento do solo

Já os alunos-pesquisadores Maria Aparecida, José Guilherme e Marcos Paulo realizaram as análises de amostras de solo no Sítio Gravatá, na área rural de Cacimbinhas, e aplicaram o carbonato de cálcio (proveniente da casca de ovos) para a redução da acidez e, com isso, puderam comprovar que, aplicando uma tecnologia acessível e sustentável, é possível possibilitar um pH (potencial hidrogenionico) ideal ao plantio de diferentes culturas.

A 34ª Mostratec espera receber 40 mil pessoas, entre estudantes, professores, educadores e empresários de mais de 20 países.

Estarão expostos na feira cerca de 750 projetos de pesquisa científica e tecnológica desenvolvidos por alunos do ensinos Fundamental, Médio e Profissional de Nível Técnico que englobam 14 áreas do conhecimento.

Haverá, ainda, eventos integrados: Seminário Internacional de Educação Tecnológica (Siet), Mostratec Júnior, Robótica Educacional e atividades esportivas e culturais.

Fonte: Tribuna Hoje / Davi Salsa

Comentários

MAIS NO TH