Educação

4 de junho de 2019 21:26

Inglês: como tornar mais fácil o caminho até a fluência

Músicas, séries e filmes podem ser mais que mero entretenimento e auxiliar de fato o aluno a treinar seus conhecimentos em inglês

↑ Para que a música funcione como uma ferramenta de estudo, o ideal é dar preferência ao estilo musical que mais se gosta de escutar (Imagem ilustrativa)

As séries, filmes, músicas e games, aumentam o tempo de exposição ao idioma, permitindo que o estudante se familiarize com vocabulários e pronúncias. Recursos audiovisuais são ótimas ferramentas para enriquecer a aprendizagem, uma vez que tornam o processo mais completo, prazeroso e, consequentemente, mais eficaz.

Músicas, séries e filmes podem ser mais que mero entretenimento e auxiliar de fato o aluno a treinar seus conhecimentos em inglês. Para que a diversão também se torne um momento de aprendizado, basta seguir algumas dicas para otimizar o contato com a língua nos momentos livres.

Música

A música hoje está em todos os lugares: vai na mochila ou na bolsa, nos smartphones com serviços de streaming como Spotify e Youtube e costuma ser companhia frequente. Uma pesquisa divulgada pelo Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br) em 2018 revelou que 29% dos brasileiros consomem música pela internet todos os dias. Mas para que ela funcione como uma ferramenta de estudo, o ideal é dar preferência ao estilo musical de que mais se gosta de escutar. Anotar os termos que provocam dúvida também é uma boa ideia, assim como soltar a voz e cantar junto para afinar a pronúncia.

Filmes e Séries

Algumas séries utilizam linguagem mais simples e acessível, o que pode ser o pontapé inicial para quem está começando a estudar inglês. Outras possuem vocabulário um pouco mais complexo ou trazem uma comunicação mais informal utilizando gírias. Programas com diálogos mais elaborados devem ser a preferência de quem já está no nível avançado.

Podcasts

Os Podcasts são outra excelente ferramenta on demand para melhorar a compreensão oral do inglês. Os áudios tem a opção de serem baixados para ouvir quando o aluno bem entender: seja durante os deslocamentos, em meios de transporte, ou na academia por exemplo. Há muitos podcasts destinados exclusivamente às pessoas que desejam aprender inglês. Eles estão disponíveis

para baixar em Android e IOS e muitos podem também ser ouvidos via aplicativos de streaming de música como Spotify.

Cursos de idiomas continuam sendo a melhor solução

Apesar de a tecnologia ter tornado mais fácil e prático o consumo de conteúdos em inglês ao aumentar o tempo de exposição ao idioma, para se tornar fluente, é preciso muito mais.

Dominar o inglês significa ter habilidades para se expressar de forma clara, compreender bem o que se ouve, escrever sem tropeçar na gramática e ler plenamente.

O Quadro Europeu Comum de Referência para Línguas (CEFR), criado por especialistas em ensino e aprendizagem de línguas estrangeiras, mostra a necessidade de se cumprir determinadas horas de exposição ao novo idioma em um contexto de aprendizagem formal.

COMMON EUROPEAN FRAMEWORK OF REFERENCE (CEFR) Fonte: https://www.ccaa.com.br

Frequentar um curso de idiomas ainda é fundamental para as pessoas que desejam ser fluentes atingirem seu objetivo.

Fonte: Assessoria

Comentários

MAIS NO TH