Educação

11 de fevereiro de 2019 18:46

Em Maceió e Arapiraca, creches viram opção para os pais iniciarem educação dos filhos

Início do ano é registrado um aumento da busca por creches nas duas maiores cidades de Alagoas

↑ Creche é um espaço de cuidados e novos conhecimentos do mundo Foto: Darlan Magalhães (cortesia)

Devido à ocupação de pais e mães na jornada diária de trabalho, é cada vez maior a procura por creches públicas e particulares na capital e no interior de Alagoas.

Esses espaços atendem crianças até cinco anos de idade, com a proposta de um aprendizado de forma lúdica, incluindo brincadeiras e interações com os coleguinhas e professores.

Nas duas maiores cidades de Alagoas, mesmo com os avanços registrados na última década, Maceió e Arapiraca ainda apresentam um déficit de crianças fora da sala de aula.

Na rede pública de ensino, em Arapiraca, por exemplo, 54 escolas e 29 creches atendem cerca seis mil crianças. Maceió conseguiu abrir seis mil novas vagas para reduzir o déficit de mais de 50 mil crianças fora da escola ou creche.

A capital alagoana dispõe, atualmente, de 56 Centros Municipais de Educação Infantil (Cmeis), além das escolas que recebem algumas turmas de Educação Infantil.

As creches particulares também avançam. Em Maceió, a experiência como arte-educadora, pedagoga e mestre em Educação, levou a escritora Benilda Guimarães desenvolver um trabalho inovador com crianças até quatro anos de idade.

Ela comanda o espaço Saberes Creche Escola, no bairro Farol, com a oferta da Educação Infantil mediada por uma equipe multidisciplinar com pedagogas, mestra em educação, médico e mestra em Nutrição, para acompanhar o desenvolvimento das crianças por meio das interações e brincadeiras para formação da sua identidade e autonomia.

Benilda Guimarães conta que também utiliza a experiência na área da contação de histórias, e de ter lançado sete livros de Literatura Infanto-Juvenil, sendo um deles pioneiro com uma tradução em espanhol, para tornar mais atrativo o seu empreendimento.

“Existe uma demanda muito grande e nossa proposta é atender com qualidade todas as expectativas dos pais e mães e, sobretudo, buscar sempre promover o desenvolvimento das crianças”, destacou.

Fonte: Tribuna Hoje / Davi Salsa

Comentários

MAIS NO TH