Economia

13 de março de 2019 09:09

Sedetur convoca municípios para adesão a mapa do Turismo

Cidades alagoanas com potencial turístico precisam se cadastrar e atualizar informações conforme critério nacional

↑ Atualmente, estado de Alagoas conta com 67 municípios identificados com vocação turística (Foto: Igor Couto/cortesia)

A Sedetur está convocando os municípios para adesão ao novo Mapa do Turismo Brasileiro. A lista de critérios obrigatórios para integrar o mapa foi atualizada com outras exigências e as cidades terão até o dia 30 de junho para pleitear sua inclusão. Como parte do processo de atualização do mapa, que acontece a cada dois anos, a Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Turismo deu início ontem, dia 12, as visitas de mobilização e sensibilização dos gestores municipais para adesão das cidades alagoanas.

A proposta é mais uma vez identificar os destinos com potencial turístico no Estado e esclarecer as mudanças na lista de critérios obrigatórios para integrar o projeto. Entre os compromissos e recomendações para a inclusão dos municípios na versão 2019, o Ministério do Turismo determinou a presença de um órgão responsável pelo turismo, orçamento próprio destinado ao setor, necessidade de um conselho de turismo ativo, participação de uma instância de governança, além da existência de prestadores de serviços turísticos que estejam registrados no Cadastur. Agências de viagem, organizadoras de eventos, parque temático, acompanhamento turístico, guia de turismo, meios de hospedagem e transportadora turística estão entre as atividades assinaladas na Base do Cadastro Obrigatório.

Atualmente, Alagoas conta com 67 cidades identificadas com vocação turística de acordo com a última atualização do Mapa do Turismo realizada em 2017.

A ideia é que, conforme a política do governo federal, seja feita um refinamento dos municípios que, de fato, apresentem potencial voltado ao setor a partir da inserção destas novas exigências.

O superintendente de Turismo da Sedetur, Paulo Kugelmas, afirmou que é muito importante que apenas os municípios que tenham vocação turística façam parte do Mapa. Dessa forma se conseguiria disseminar e articular junto aos gestores municipais estratégias e políticas que fortaleçam as atividades do setor nestas cidades, promovendo o desenvolvimento regional do turismo no Estado.

A agenda de visitas às cidades, coordenada pela superintendência de Turismo da Sedetur, teve Inicio nesta terça-feira, dia 12, na Barra de São Miguel. Dia 19 acontece em São Miguel dos Milagres e 26 em Arapiraca, devendo se estender para outras regiões turísticas.

Os municípios que tiverem interesse em requerer sua inclusão no Mapa do Turismo de Alagoas 2019 terão do dia 1 de abril até o dia 30 de junho para o cadastramento e inserção dos documentos no Sistema de Informação do Programa de Regionalização do Turismo. A partir da adesão, todas as cidades inseridas serão beneficiadas por meio de políticas públicas federais e destinação de recursos do Ministério do Turismo.

Dois anos atrás, por exemplo, Porto de Pedras e São Miguel dos Milagres subiram de categoria no Mapa do Turismo por terem aumentado o número de empregos, a rede hoteleira e expandido o fluxo de turistas.

 

Fonte: Tribuna Indepedente / Claudio Bulgarelli

Comentários