Economia

19 de setembro de 2018 19:49

Copom mantém taxa básica de juros em 6,5% ao ano pela 4ª vez

Resultado seguiu a expectativa do mercado financeiro. Reunião do Comitê acontece a cada dois meses

↑ Imagem: Ilustração

O Copom (Comitê de Política Monetária) do Banco Central manteve a taxa básica de juros em 6,5% ao ano pela quarta vez consecutiva. A decisão foi divulgada na tarde desta quarta-feira (19) e segue a expectativa do mercado financeiro.

A Selic, nome técnico da taxa básica de juros, segue em 6,5% ao ano desde março deste ano. A reunião do Copom acontece a cada dois meses e os membros podem decidir por manter o valor, aumentá-lo ou diminui-lo, de acordo com a situação da economia do país.

O órgão tomou a decisão depois de duas reuniões, uma na terça-feira (18) e outra nesta quarta.

O que é a Selic?

A Selic é conhecida como táxa básica de juros, porque a mais baixa da economia e funciona como forma de piso para os demais juros cobrados no mercado.

A taxa básica de juros também serve como principal instrumento de para manter a inflação próxima da meta, que é de 4,5%. Isso acontece porque os juros mais altos encarecem o crédito, reduzem a disposição para consumir e estimulam novas alternativas de investimento.

Quando o Copom aumenta a Selic, o objetivo é conter a demanda aquecida e isso causa reflexos nos preços, porque os juros mais altos encarecem o crédito e estimulam a poupança. Já quando o Copom reduz os juros básicos, a tendência é que o crédito fique mais barato, com incentivo à produção e ao consumo.

Fonte: R7

Comentários

MAIS NO TH