Economia

29 de novembro de 2017 16:51

Bovespa opera em alta com expectativa de alta gradual dos juros nos EUA

Na véspera, Ibovespa subiu 0,11%, a 74.139 pontos

↑ Foto: Reprodução

O principal índice da bolsa paulista recuava nesta quarta-feira, com as atenções ainda voltadas às articulações em Brasília para a reforma da Previdência, enquanto a visão de que a o ritmo de elevação de juros nos Estados Unidos seguirá gradual ajudava a amparar o tom positivo.

Às 12h15, o Ibovespa recuava 0,81%, a 73.535 pontos.

Na véspera, o Ibovespa subiu 0,11%, a 74.139 pontos. O índice subiu após fechar com leves perdas nos quatro pregões anteriores.

De acordo com operadores, a volatilidade deve continuar sendo a tônica do mercado nos próximos dias, em meio ao noticiário de Brasília, conforme avançam as negociações para aprovar a versão mais enxuta da reforma da Previdência.

“Clima para Previdência melhorou na Câmara, mas ainda faltam 50 votos”, escreveram analistas da corretora H.Commcor, em nota a clientes.

O humor para a aprovação da reforma melhorou diante da expectativa de unificação do PSDB em torno da aprovação da medida, após a candidatura única de Geraldo Alckmin à presidência do partido. No entanto, o calendário segue apertado para votar a proposta e, na véspera, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que o ideal é votar a reforma neste ano, mas não fixou uma data limite para que a proposta seja apreciada no plenário da Câmara.

Enquanto o mercado monitora as articulações do governo do presidente Michel Temer, o exterior trouxe algum alívio na véspera, após Jerome Powell, indicado para comandar o Federal Reserve, banco central norte-americano, reforçar a visão de gradualismo na normalização da política, mantendo assim a atratividade a ativos de países emergentes, como o Brasil.

Fonte: G1

Comentários

MAIS NO TH