Cooperativas

7 de fevereiro de 2020 17:55

Setor sucroenergético alagoano é homenageado no MasterCana 2019/2020

Tradicional premiação aconteceu na noite da última quinta-feira, 6, em uma cerimônia no Recife

↑ Pedro Roberio e Renato Cunha (Foto: Assessoria)

O setor sucroenérgico do Estado de Alagoas foi um dos grandes homenageados no Prêmio MasterCana 2019-2020. A tradicional premiação reuniu na noite da última quinta-feira, 6, em uma cerimônia no Recife, gestores, industriários e representantes que se destacaram no cenário atual do cultivo de cana-de-açúcar na região Nordeste.

Para o presidente do Sindicato da Indústria do Açúcar e do Álcool no Estado de Alagoas – Sindaçúcar/AL e presidente do Conselho Deliberativo da Novabio, Pedro Robério Nogueira, a solenidade representa a união da categoria produtiva do Nordeste e, principalmente, um momento de evidenciar o trabalho de excelência que vem sendo feito em Alagoas para o fortalecimento do setor.

“O evento como um todo carrega um significado muito importante. Primeiro, é uma oportunidade de encontrar todo o segmento que participa do mercado sucroenergético no Nordeste. Estão aqui representantes de todas as atividades, sendo elas agrícolas, comerciais, industriais, institucionais e políticas, reunidos para homenagear as pessoas e as entidades que, pelo ano inteiro, trabalharam em prol do setor e para o setor. Ver Alagoas sendo protagonista entre os homenageados funciona como um estímulo para demonstrar que estamos acertando e é uma motivação para continuarmos nosso trabalho”, declarou o presidente.

Ainda para Pedro Robério Nogueira, o próximo passo para Alagoas é continuar investindo no cultivo da cana-de-açúcar visando sempre pleitear novas conquistas para o segmento local. “A representatividade de Alagoas no MasterCana é uma demonstração pública de todo o esforço realizado para a recuperação do setor nestes últimos anos. Dificuldades existiriam e afetaram não só a produção física, mas, sobretudo, a autoestima de nosso segmento. Então, um encontro como esse que reconhece e engrandece nosso setor, nos torna mais responsáveis e com a obrigação de avançarmos em nossas ações”, completa.

Entre as pessoas físicas e jurídicas de Alagoas que foram premiadas no MasterCana 2019/2020, estão: Novabio, na categoria Entidade do ano, o empresário Mário Luiz Lorencatto, CEO da Usina Coruripe, como Executivo do Ano, a Usina Utinga Leão, pela Gestão em Responsabilidade Empresarial, a Cooperativa Pindorama, pela Performance na Diversificação de Negócios, a Usina Serra Grande, com a Gestão de Programas de Qualidade e Produtividade, a Usina Caeté , no quesito Bioeletricidade, Tecnologia e Inovação e o Deputado Federal Isnaldo Bulhões (MDB-AL), como Liderança Política.

Considerado na noite um dos Executivos do Ano, Mário Luiz Lorencatto, CEO da Usina Coruripe, localizada no litoral-sul de Alagoas, acredita que o prêmio é um reflexo da boa gestão que está sendo realizada pelo grupo nos últimos anos. “É uma honra receber esse prêmio, entretanto, ele pertence não só a mim, mas a toda a diretoria, aos 9.500 colaboradores da Usina Coruripe e, principalmente, aos acionistas que criaram para a empresa uma base sólida, grande e indo para patamares maiores. Esse coroa uma série de mudanças que foram feitas na Coruripe em uma época que o setor não estava passando por bons momentos. Investimos nos canaviais, no melhoramento da produtividade e passamos a ter cana suficiente para encher nossas usinas. Nossa missão é prosseguir com os investimentos para que a Usina Coruripe cresça cada vez mais”, assegurou Lorencatto.

À frente do MasterCana 2019/2020, o presidente do grupo ProCana, Josias Messias, destacou que a importância de proporcionar um evento como esse é para criar um verdadeiro ambiente de confraternização e de relacionamento entre o setor sucroenergético nordestino. “Passamos por tempos de dificuldade, mas perseveramos. O setor sobreviveu e agora os ventos estão soprando a nosso favor. É uma honra organizar esse encontro e permitir um ambiente com a representatividade de 50% dos representantes do cenário da produção de cana, açúcar e etanol presente, celebrando o reconhecimento dessa gente que inova e que persevera com muita criatividade na busca pelo fortalecimento do setor sucroenergético no Nordeste”, finalizou Messias.

Fonte: Assessoria

Comentários

MAIS NO TH