Cooperativas

10 de fevereiro de 2017 11:20

Cooperativismo ganha Plataforma Global de Desenvolvimento

Objetivo é fortalecer a colaboração entre entidades dedicadas ao desenvolvimento do cooperativismo, aumentar a visibilidade e o conhecimento

O cooperativismo mundial ganhou um reforço de peso no final do ano passado, com o lançamento, na cidade canadense de Quebec, da Plataforma Global de Desenvolvimento do Cooperativismo. Trata-se de uma rede mundial de cooperativas, de modo que elas possam trocar informações, discutir estratégias e colaborar entre si a fim de explorar futuras parcerias com foco no desenvolvimento internacional do cooperativismo.

A ideia, porém, não está partindo da estaca zero. Já faz cinco anos que a Europa criou uma plataforma com alcance limitado ao continente. O plano agora é conectar a entidade europeia com outras organizações ao redor do planeta.

“O objetivo não é criar uma agência de desenvolvimento”, ponderou a presidente da ACI (Aliança Cooperativa Internacional), Pauline Green, ao anunciar a criação da plataforma na Cúpula Internacional das Cooperativas em Quebec. “O objetivo é fortalecer a colaboração entre entidades dedicadas ao desenvolvimento do cooperativismo e aumentar a visibilidade e o conhecimento sobre o papel que as cooperativas desempenham internacionalmente”, acrescentou ela. Segundo ela, a ACI ganha agora o desafio de fazer essa plataforma funcionar. Mas ela terá a participação de outra entidade, o Conselho de Desenvolvimento de Cooperativas no Exterior, dos Estados Unidos, que também participou da criação da plataforma.

O que é a Cúpula Internacional?

A Cúpula Internacional das Cooperativas é o evento mundial mais importante para o desenvolvimento de negócios na comunidade cooperativa. O encontro, realizado anualmente, se propõe a oferecer aos líderes de cooperativas um lugar para a reflexão, discussão, cooperação e treinamento em relação a grandes tendências, com a participação de especialistas de renome internacional. A cúpula mostra que as cooperativas são uma resposta para vários dos maiores problemas econômicos da atualidade. Da edição deste ano participaram vários líderes cooperativistas brasileiros, entre eles o diretor-presidente da Cresol Confederação, Cledir Magri, e o diretor financeiro da Confederação e conselheiro do FGCoop, Adriano Michelon. O encontro também foi uma oportunidade para mostrar a força do cooperativismo para ajudar a resolver as grandes questões globais definidas pelas Nações Unidas.

O que é a ACI

A ACI foi criada em 1895. É uma entidade não-governamental, independente, dedicada a representar e ajudar as cooperativas em nível mundial. Os membros da ACI são organizações cooperativistas internacionais de todos os setores da economia, espalhados por mais de 100 países e envolvendo mais de 1 bilhão de pessoas. De acordo com dados do World Cooperative Monitor, as 300 maiores cooperativas do mundo empregam 250 milhões de pessoas, o que representa 12% de todos os assalariados dos países do G20, grupo formado pela União Europeia mais os bancos centrais das 19 maiores economias do mundo.

 

Fonte: Terra

Comentários

MAIS NO TH