Cidades

1 de maio de 2021 12:27

PIB 2020: Alagoas apresenta uma das menores quedas do Brasil

Dados foram repassados pela Secretaria do Planejamento durante coletiva de imprensa

↑ Alagoas apresentou uma queda de PIB (-1,56%) menor do que a do Brasil (- 4,06%) (Foto: Kaio Fragoso / Agência Alagoas)

O Governo de Alagoas divulgou, nesta sexta-feira (30), os dados referentes à estimativa anual de 2020 do Produto Interno Bruto (PIB) do estado. A apresentação aconteceu durante coletiva de imprensa realizada na sede da Secretaria de Estado do Planejamento, Gestão e Patrimônio (Seplag), que é responsável pelo levantamento junto ao IBGE.

De acordo com os dados repassados, mesmo em um ano de crise como o de 2020, Alagoas apresentou uma queda de PIB (-1,56%) menor do que a do Brasil (- 4,06%). Além disso, quando analisada a estimativa do quarto trimestre do ano, o estado teve crescimento de 0,78%, valor impulsionado, principalmente, pelos setores da Indústria e de Serviços.

“Os dados indicam que tivemos, assim como a maioria dos estados, uma redução de atividade econômica, porém, no caso de Alagoas, muito menos grave do que a do Brasil. Grande parte dessa queda decorre da pandemia, que se agravou no segundo trimestre do ano passado. No final do ano de 2020, notamos que Alagoas já apresenta crescimento econômico quando comparamos o quarto trimestre de 2020 com o de 2019”, explica o secretário do Planejamento e Gestão, Fabrício Marques Santos

Estimativas para os setores econômicos

Em relação ao setor da Agropecuária, os dados mostram uma estimativa de queda de 0,78% no acumulado em relação ao ano de 2019. O mesmo valor para o setor é constatado no 4º trimestre de 2020.

“No acumulado do ano, segundo os dados oficiais, temos uma queda de 14,46% na produção da cana-de-açúcar e de 0,78% na de laranja, que são nossos maiores produtos no setor da Agropecuária. Em contrapartida, tivemos um crescimento nas culturas que mais utilizamos no dia a dia, como na de mandioca (19,44%), banana (5,82%), coco-da-baía (11,10%), milho (39,88%), entre outras”, explica o gerente de Estatísticas da Seplag, Roberson Leite

Em relação à Indústria, no acumulado de 2020, Alagoas apresenta uma queda de 0,74% nas atividades do setor como um todo.  No quarto trimestre do mesmo ano, os dados apontaram para uma retomada do crescimento de 0,82% em relação ao mesmo período de 2019.

“Em comparação ao ano de 2019, a previsão é que em 2020 tenhamos uma queda de 5,79% na indústria de transformação e, ao mesmo tempo, um crescimento de 6,96% na de construção civil, que acabou compensando essa queda. O crescimento ocorre principalmente por conta dos investimentos realizados pelo Governo do Estado na construção de obras públicas”, ressalta.

O setor de Serviços apresentou estimativa de queda de 1,88% no acumulado anual de 2020 impactado pelos subsetores de Administração, educação e saúde pública, defesa e seguridade social (-1,51%); Comércio e reparação de veículos automotores e motocicletas (-3,29%); Atividades profissionais, científicas e técnicas, administrativas e serviços complementares (-2,58%); Alojamento e alimentação (-4,95%); Transporte, armazenagem e correio (-4,43%). Segundo os dados, já no quarto trimestre, é possível observar uma retomada de taxas de crescimento positivas do PIB do estado.

Fonte: Assessoria

Comentários

MAIS NO TH