Cidades

14 de julho de 2020 12:52

20 mil servidores públicos e comissionados receberam auxílio de forma indevida

O superintendente da Controladoria Geral da União em Alagoas, Moacir Rodrigues de Oliveira, afirmou em entrevista ao programa TC News, da TV Cidadã, que até esta terça-feira, 14, 20 mil servidores públicos – municipais e estaduais – e comissionados em Alagoas receberam indevidamente o auxílio emergencial pago pelo Governo Federal, durante este período de pandemia. Foram mais de 13 milhões de reais pagos irregularmente. Todos devem devolver o dinheiro aos cofres públicos.

Moacir disse ainda que até agora 70 municípios alagoanos disponibilizaram os dados para o cruzamento da CGU, em parceria com órgãos de controle, como o Tribunal de Contas do Estado de Alagoas e o Ministério Público de Contas de Alagoas. O superintendente afirmou também que este trabalho continua, para identificar pessoas que não se enquadram nos critérios pré-estabelecidos, mas estejam recebendo ou receberam o benefício.

Mais informações sobre essa situação, você acompanha na entrevista completa no TC News, apresentado pelo jornalista Valtenor Leôncio, na TV Cidadã (canal 35.2), no Facebook ou no YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=3yntjHGB5hc

Veja a relação, atualizada, até hoje (14), dos municípios que já disponibilizaram os dados para o cruzamento da CGU: https://www.tceal.tc.br/view/documentos/doc140720201524450000005f0dce3d51bac.pdf

Fonte: TC News

Comentários

MAIS NO TH