Cidades

15 de junho de 2019 15:58

São João: SMTT alerta sobre perigos de beber e dirigir

SMTT orienta que cidadão que planeje beber utilize meios de transportes alternativos nos quais ele não precise dirigir

↑ Foto: Divulgação

No Nordeste, o mês de junho é repleto de shows e atrações culturais para comemorar o São João. Junto com as festividades, o consumo de álcool aumenta e, consequentemente, o risco de acidentes de trânsito também. Pensando no bem-estar do maceioense, a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) dá dicas para que a população se divirta com mais segurança e tranquilidade.

Para ir e voltar dos locais de festa, a SMTT orienta que o cidadão que planeje beber utilize meios de transportes alternativos nos quais ele não precise dirigir, a exemplo de ônibus, táxis, veículos por aplicativo, carona compartilhada com o amigo ou familiares.

“Nesta época, é muito comum que grupos de amigos se dirijam para o mesmo local de festa. Por isso, é importante que eles escolham o motorista da rodada para que todos possam ir e vir com segurança, sem dar chance para que uma tragédia ocorra. E é sempre importante lembrar que direção e álcool não combinam nunca”, reforça o assessor técnico de Levantamento de Acidentes de Trânsito e Estatística da SMTT, Carlos Moura.

O número de incidentes nas vias tende a aumentar neste período, tanto pela imprudência de ingerir bebida alcoólica e dirigir, quanto pelo período de chuvas. Por este motivo, o órgão reforça que os condutores tenham mais cautela nas vias, respeitem a sinalização e sejam mais conscientes no trânsito.

Como solicitar a SMTT em caso de acidentes

A Superintendência dispõe de uma Central de Monitoramento para atender ocorrências em caso de acidentes. Durante o São João, a população poderá ligar para o número 3315-3590 para acionar os serviços do órgão, que opera 24 horas, todos os dias da semana.

Em casos de acidentes sem vítimas, a SMTT orienta que os condutores retirem seus veículos da via enquanto aguardam a chegada da equipe de agentes de trânsito. A medida faz com que não haja congestionamentos e nem aumente o risco de outros sinistros na via.

Fonte: Assessoria

Comentários