Cidades

21 de março de 2019 22:01

Protesto contra reforma da previdência acontece nesta sexta (22) em Maceió

Manifestação atende convocação nacional, e acontece em várias cidades do país

↑ Sindicatos participam de ato nacional contra Reforma da Previdência (Foto: Emanuelle Vanderlei)

Está marcada para esta sexta-feira (22), em várias cidades do Brasil, o Dia Nacional de Luta em Defesa da Previdência, convocado pela CUT, centrais sindicais e movimentos sociais. Em Maceió, a movimentação terá a participação de entidades do movimento sindical e da sociedade civil organizada. O ato está marcado para às 15h, com a concentração na Praça Centenário.

O objetivo é combater a reforma da previdência do Governo Bolsonaro e capitaneada por Paulo Guedes, que retira os direitos dos trabalhadores com a restrição de acesso a aposentadoria e a redução do valor dos benefícios previdenciários.

Com o advento da PEC 06/2019 o governo pretende estabelecer a obrigatoriedade da idade mínima para 65 anos para homens e 62 para mulheres e aumentar o tempo de contribuição de 15 para 20 anos, além de retirar do texto constitucional o Sistema de Seguridade Brasileiro. Além disso, o governo também pretende acabar com o pagamento de multa de 40% do FGTS para os trabalhadores que se aposentam e seguem trabalhando na mesma empresa.

Diante de todos os ataques aos trabalhadores, a hora agora é de ir às ruas e lutar pela manutenção do direito de se aposentar com dignidade. “É um ataque direto ao direito dos aposentados, sem contar direitos sociais e previdenciários garantidos em constituição. Não podemos aceitar o desmonte da previdência”, afirmou a presidente do Sinteal, Consuelo Correia.

Fonte: Assessoria

Comentários

MAIS NO TH