Cidades

21 de outubro de 2018 10:16

IML aponta traumatismo craniano como causa da morte de motorista

Tiago Queiroz dirigia uma caminhonete em alta velocidade quando colidiu com outros seis veículos

↑ Tiago Queiroz, de 33 anos, morreu depois de avançar sinal vermelho e colidir com outros seis veículos (Foto: Reprodução/Redes sociais)

O motorista da caminhonete que dirigia em alta velocidade neste sábado (20), Tiago Queiroz Xavier de Barros de 33 anos, morreu de traumatismo craniano depois de bater em outros três carros e motocicletas na Avenida da Paz, orla da Praia da Avenida, no Centro de Maceió. O resultado do exame de necropsia foi divulgado pelo Instituto Médico Legal (IML). Apesar de preliminar, o laudo aponta que o traumatismo foi causado pelo impacto do acidente.

As outras duas vítimas do acidente foram socorridas e levadas para o Hospital Geral do Estado (HGE) no bairro do Trapiche. José Gerado dos Santos, de 44 anos, e Antônio Pacheco Moreira Neto, de 27, sofrerem ferimentos leves e já receberam alta.

O corpo de Tiago Queiroz foi liberado ainda na noite do sábado e velado no Memorial Parque Maceió, no bairro do Benedito Bentes, na parte alta da cidade. O sepultamento está marcado para acontecer às 14h deste domingo (21).

Motorista da caminhonete morreu no local. Foto: Cortesia

 

Fonte: Redação / Tribuna Hoje

Comentários

MAIS NO TH