Cidades

14 de setembro de 2018 19:54

Forró de Vera: Cultura publica edital para selecionar atrações

Músicos interessados em participar da seleção podem apresentar propostas na sede da Fundação

↑ Foto: Reprodução

A Prefeitura de Maceió, por meio da Fundação Municipal de Ação Cultural (Fmac), publicou na edição dessa quinta-feira (13) do Diário Oficial do Município (DOM) a chamada publicada destinada à seleção das atrações que irão participar da segunda edição do Forró de Vera. O evento tem como finalidade a valorização da autêntica música nordestina e dos artistas locais que se dedicam aos ritmos da música regional, a exemplo do baião, do xote e do xaxado.

Os músicos interessados em participar da seleção podem apresentar propostas na sede da Fundação, que fica localizada na Avenida da Paz, nº 900, no Jaraguá, até o dia primeiro de outubro. O atendimento ao público funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h.

A chamada pública irá contemplar 16 bandas ou artistas solo e cada atração selecionada receberá um cachê de R$ 5 mil. A seleção ocorrerá em duas etapas: Habilitação Jurídico-Fiscal, de caráter eliminatório, e Seleção Conceitual e Técnica, de caráter classificatório e eliminatório.

De acordo com o presidente da Fundação, Vinicius Palmeira, além de fomentar a música regional, o Forró de Vera fortalece a campanha Maceió Rosa, iniciativa do Município destinada à conscientização da mulher maceioense sobre a importância da prevenção, diagnóstico e tratamento do câncer de mama.

“Durante o mês de outubro, a Prefeitura realiza diversas ações voltadas ao Maceió Rosa e o Forró de Vera é uma delas. É um momento de conscientização muito importante e não poderíamos ficar de fora dessa campanha. A primeira edição foi um sucesso e tenho certeza que não será diferente neste ano”, disse o presidente.

A segunda edição do Forró de Vera acontecerá no Corredor Vera Arruda, que fica localizado na região da orla da Jatiúca.

Confira o edital e seus anexos:

Edital

Anexo1 – 

Anexo2 – 

Anexo3 – 

Modelo de Contrato de Exclusividade

Fonte: Secom

Comentários

MAIS NO TH