Cidades

25 de março de 2018 15:00

TJ-AL anuncia suspensão do concurso para oficial de justiça

A comissão organizadora do concurso do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL) informa que as provas para o cargo de oficial de justiça, aplicadas na manhã deste domingo (25), foram canceladas. O problema ocorreu na distribuição dos cadernos por parte da Fundação Getúlio Vargas (FGV), especificamente na Escola Moreira e Silva, no Cepa. Para manter a lisura do certame e garantir que não haja questionamento judicial, o TJ/AL decidiu cancelar as provas para o cargo de oficial. As provas para os demais cargos de analista (área judiciária e estatística) e técnico judiciário estão mantidas.

O TJ/AL reforça que o concurso recebeu, ao todo, 42.762 inscritos e que o cancelamento afeta 3.711 candidatos ao cargo de oficial de justiça, que terão a prova remarcada. A Corte esclarece ainda que a comissão agiu com zelo e tem feito de tudo para que o concurso transcorra com transparência e honestidade, tendo, inclusive, solicitado apoio às polícias civil e federal para fiscalização.

A FGV, organizadora do certame, também emitiu nota:

“A FGV Projetos, organizadora do concurso do Tribunal de Justiça de Alagoas, informa que suspendeu a prova realizada no dia 25 de março de 2018, no período matutino, para o cargo de “Analista Judiciário – Oficial de Justiça Avaliador” do concurso do Tribunal de Justiça de Alagoas. A FGV Projetos divulgará a nova data do referido cargo.

 

Comentários

MAIS NO TH