Cidades

31 de maio de 2017 01:50

Morre aos 86 anos dom José Carlos, arcebispo emérito de Maceió

Arcebispo estava na UTI após sofrer insuficiência respiratória

Atualizada às 8h50

O Arcebispo Emérito de Maceió, Dom José Carlos Melo, CM, de 86 anos, morreu na noite desta terça-feira, 30. Por causa da idade, Dom José, já vinha tendo um quadro de saúde fragilizado, e estava internado desde a última quinta, 25, na UTI do Hospital Unimed, localizado no bairro do Farol.

Dom José Carlos foi arcebispo de Maceió durante quatro anos, de julho de 2002 a julho de 2006, quando renunciou. Ele residia no Seminário Arquidiocesano Nossa Senhora da Assunção, no bairro do Farol, onde o corpo dele será velado a partir das 23h desta terça.

 Velório e sepultamento

Velório na Capela do Seminário Arquidiocesano Nossa Senhora da Assunção, no bairro Farol, até às 13h.

6h, 8h, 10h e 12h – Santa Missa na Capela Nossa Senhora da Assunção, Seminário Arquidiocesano.

13h – Translado do corpo até a Catedral Nossa Senhora dos Prazeres, onde serão prestadas as últimas homenagens.

16h – Celebração das Exéquias e em seguida sepultamento na Catedral Metropolitana .

*Cânon 1178 – Exéquias de bispo na Catedral

Cânon 1242 – Sepultamento de bispos, inclusive emérito na Catedral

 Dom José Carlos Melo, CM

* Nasceu em 04 de junho de 2017 (Codó-MA)

* Foi ordenado sacerdote em 31 de julho de 1955 ( Petrópolis-RJ)

*Ordenado bispo em 10 de julho de 1991 (São Luiz-MA)

+ Faleceu em 30 de maio de 2017

 

Trajetória

Dom José Carlos Melo nasceu no dia 4 de junho de 1930 em Codó, no Maranhão. Integrou a Congregação da Missão (Lazaristas), onde professou os votos com quase vinte anos de idade. Foi ordenado sacerdote cinco anos mais tarde na cidade de Petrópolis – RJ.

Em 10 de julho de 1991 foi nomeado Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Salvador e ordenado em 28 de setembro do mesmo ano. Em 02 de junho foi nomeado Arcebispo Auxiliar de Salvador e em 28 de maio de 2000 foi nomeado Coadjutor de Maceió. No dia 03 de julho de 2002, dom José Carlos, CM, assumiu o pastoreio da Arquidiocese de Maceió e seguiu no cargo até o dia 22 de julho de 2006, após anunciar a renúncia ao cargo.

Comentários

MAIS NO TH