Cidades

21 de novembro de 2016 10:28

Slum registra em Maceió novo caso de acumulador de lixo com mais de 30 toneladas

Entre o material acumulado há recipientes com substâncias inflamáveis e lâmpadas fluorescentes

A Superintendência de Limpeza Urbana de Maceió (Slum) deve retomar, nesta semana, a operação em residências de acumuladores de lixo, um trabalho iniciado em dezembro de 2015 e que nos últimos 10 meses resultou no recolhimento de 6365 toneladas de resíduos em 28 imóveis da capital. Um novo caso foi registrado no bairro Santa Lúcia, na região conhecida como Aeroclube, onde um idoso guarda aproximadamente 30 toneladas de resíduos. Entre o material acumulado há recipientes com substâncias inflamáveis e lâmpadas fluorescentes.

Segundo explica o titular da Slum, David Maia, todos os casos de acumuladores foram registrados por meio do trabalho de fiscalização do órgão nas ruas e também por denúncias realizadas pela população no Disque Limpeza 0800 082 2600, canal que integra a Central de Monitoramento. Em todas as situações, os proprietários dos imóveis foram notificados previamente e, como a limpeza não foi realizada, a Slum realizou operações emergenciais articuladas com outros órgãos municipais levando em consideração a gravidade dos casos.

“As operações de acumuladores atendem todos os prazos legais previstos no Código Municipal de Limpeza Urbana, mas as situações exigem ações emergenciais devido aos danos causados à população. O acúmulo de lixo, como é de conhecimento de todos, gera a proliferação de insetos, roedores e animais peçonhentos que trazem riscos a quem mora no entorno. Além disso, vivemos em um combate constate ao Aedes aegypti para evitar as doenças causadas pelo mosquito”, ressalta David Maia.

Ao constatar casos de acúmulo ou descarte irregular, a população pode entrar em contato com a Slum pelo 0800 082 2600 e realizar a denúncia. Após o registro, uma equipe de fiscalização vai ao local para notificar ou autuar o infrator e, caso não seja solucionado, o órgão realiza a limpeza e inclui o valor do serviço na divida ativa do cidadão. Com esta ação, o maceioense já colaborou com a notificação de mais de 4000 irregularidades que foram registradas pelos discais da Slum.

Aproximadamente 30 toneladas de resíduos foram encontrados em residência (Foto: Ascom / Slum)

Fonte: Ascom / Slum

Comentários

MAIS NO TH