Brasil

3 de novembro de 2016 08:30

Moradores fazem cartaz para alertar pedestres sobre assaltos em SP

DPs somaram 2.367 roubos e furtos no primeiro semestre na região

Os moradores do Sacomã, na Zona Sul de São Paulo, colocaram um cartaz em um ponto de ônibus para alertar os pedestres sobre os riscos de assalto no bairro. Delegacias registraram centenas de assaltos na região, que não possui ronda, segundo os moradores.

Após recorrer a grades e seguranças particulares, os paulistanos utilizam faixas e placas para alertar uns aos outros sobre a violência na cidade e chamar atenção das autoridades.

No Sacomã, um cartaz colado em um ponto de ônibus na Praça Najmi Ali Abdalla apresenta o seguinte aviso: “Atenção: todos os dias neste bairro – roubo de casas, carros, bolsas e celulares de pedestres. Já com caso de homicídio!”

Segundo dados do Infocrim da Secretaria da Segurança Pública (SSP), o 26º Distrito Policial (DP) do Sacomã e o 95º DP de Heliópolis, que atendem a região apresentaram aumento nos casos de roubo. Sacomã terminou o primeiro semestre com 784 roubos e em Heliópolis com 1.583.

Os moradores da região apresentam o mesmo relato de que se trata de uma região perigosa e sem patrulhamento. “Aqui precisaria ter uma base policial porque é muito perigoso. Todos os dias tem assalto aqui”, disse a professora Jucelia de Oliveira. “Aqui no bairro tem muito assalto. Vira e mexe a gente escuta e fica com medo”, confirmou a secretária Luciana Sanches.

Em nota, a SSP disse que “as polícias Civil e Militar estão atentas à criminalidade na região” e que “acompanha semanalmente os dados estatísticos para elaborar os planos de policiamento”. O órgão afirmou ainda que nos nove primeiros meses de 2016, 470 pessoas foram presas e 477 veículos foram recuperados no Sacomã.

Fonte: G1

Comentários

MAIS NO TH