Flávio Gomes

20 de julho de 2018

O que visa quem defende Lula?

André Braga de Vasconcelos, advogado, site “Diário do Poder”: “A despeito do séquito de advogados que promovem sua defesa, há um sem número de correligionários, simpatizantes, admiradores e, enfim, ignaros e subservientes, que querem libertar – de qualquer modo – o condenado Lula, desrespeitando o devido processo penal, o Judiciário, enfim, mitigando a consolidação e o equilíbrio das instituições. A pretensão do condenado em lançar-se candidato nas eleições que se avizinham faz com que os seus asseclas se regozijem com a ideia esdrúxula de sua libertação para a participar da pré-campanha, tudo com base nas pesquisas eleitorais que o apontam como líder ao cargo de presidente. Não deixa de ser verdadeiro, com as devidas margens de erro, que o condenado Lula aparece na frente em todas as pesquisas, nem por isso, se lhe garante carta de alforria para participar do certame. Não há como dissociar o retorno do Capo di tutti capi, sem imaginar o horror das perseguições e recrudescimento do arbítrio, como é próprio dos sectários da seita que se revelou o Partido dos Trabalhadores e que se ramificou nas entranhas do poder com o excesso de liberdade e sem limites éticos definidos. Os que defendem Lula, definitivamente, são contra o Brasil, o seu povo e sua história.”

Revoada

José Thomaz Nonô, que foi deputado federal por seis mandatos, vice-governador e Secretário da Fazenda, desistiu da candidatura à Câmara dos Deputados, pelas dificuldades do fechamento de coligações. Na mesma situação há outros pretendentes à Câmara, inclusive quem se desincompatibilizou de cargos no Executivo.

No rolo

Jornalista Luís Villar, no portal “Cada Minuto”: “Renan Calheiros adotou de vez a narrativa da esquerda e classificou Meirelles como o candidato do sistema financeiro, em função de ser ‘originário da JBS’. O detalhe é que o diretor da J&F, Ricardo Saud, ao falar de propinas pagas ao MDB também cita Renan Calheiros.”

Espaço

O deputado estadual Severino Pessoa, que hoje integra o grupo de oposição ao prefeito Rogério Teófilo, é o único candidato à Câmara dos Deputados com base política em Arapiraca. Mas, pelo potencial de votos do segundo colégio eleitoral de Alagoas, há grandes chances para alguém do grupo da situação. Quem seria?

Parceria

Ricardo Nezinho anuncia para hoje, em Arapiraca, reunião com lideranças políticas do Agreste, para formalizar apoio ao também deputado estadual Sérgio Toledo, candidato a deputado federal. Nezinho é candidato à reeleição para a Assembleia Legislativa. Sérgio Toledo é um dos favoritos na disputa por uma vaga na Câmara.

Disputa na OAB

Informação do portal “Alagoas 24 Horas”: “O Movimento ‘Sou Advogado’ já deixou bem claro que a oposição vai lançar candidato à presidência da OAB para enfrentar a diretoria atual. Entre os nomes especulados, figuram os advogados Marcelo Brabo, Cacá Gouveia, Fernando Falcão entre outros.” A eleição será em novembro.

Água no chope

“O Antagonista”: “Dias Toffoli pode jogar água no chope dos petistas que acreditam que Lula posa ser solto ainda este ano, caso o STF discuta a prisão em segunda instância. O Estadão apurou que, para pessoas próximas, o ministro disse que não deve colocar o tema na pauta, já que o Supremo já se debruçou sobre o assunto em 2018.”

*O  Museu de História Natural da Ufal vai inaugurar hoje mais uma sala de exposição, em parceria com o Instituto de Ciências Atmosféricas, também da Ufal, criando uma exposição com objetos de Meteorologia. O lançamento acontece às 14 horas, no MHN.

*Interessados em participar da chamada pública voltada ao projeto Ações Culturais para Maceió – parceria entre Prefeitura de Maceió e Ministério da Cultura – têm até hoje para apresentar propostas na sede da Fundação Municipal de Ação Cultural (Fmac).

*O grupo “ABBA”, de grande sucesso nos anos 70, terá sua trajetória revivida hoje, com o show “ABBA The History – A Salute To ABBA”, a partir das 21 horas, no Teatro Gustavo Leite, do Centro de Convenções de Maceió. Informações: 3235.5301.

*Será lançado no dia 3 de agosto o livro “Mosaico do tempo”, da jornalista Olívia de Cássia Cerqueira, no qual faz uma retrospectiva da sua vida. O evento acontece das 19 às 22 horas, no Museu da Imagem e do Som, em Jaraguá.

*O artista circense e diretor de teatro mineiro Gilmar Ramos vai ministrar algumas oficinas de Teatro de Rua, em Arapiraca, até 8 de agosto, na Casa da Cultura e Biblioteca Municipal Professor Pedro de França Reis. Contato: 99976.3542.

*O embalado CSA enfrenta hoje o Fortaleza, que vem de duas derrotas, em jogo em que tem tudo para assumir a liderança da Série B do Campeonato Brasileiro. Basta vencer, por qualquer resultado. O jogo é às 21h30m, no Estádio Rei Pelé.

“Não almejo nem pleiteio nada, mas estou pronto para cumprir a missão”

Augusto Heleno Ribeiro Pereira

General da reserva, ao ser questionado se cogitava ser vice na chapa de Jair Bolsonaro

19 de julho de 2018

Copa do Mundo e eleições

Economista Celso Tracco: “Mais uma vez, a seleção brasileira foi eliminada em uma Copa do Mundo. Caímos nas quartas de final. Nesses tempos de uso intensivo das redes sociais, muito se vê e ouve que o resultado do torneio pode ou irá influenciar o resultado das eleições. Mas, a história não diz isso. Desde 1994, […]

18 de julho de 2018

“Racha” na defesa de Lula

Jornalista Gerson Camarotti: “O advogado do ex-presidente Lula, Cristiano Zanin, saiu de um grupo de Whatsapp composto por advogados e políticos ligados ao líder petista sugerindo estar sendo alvo de ataques feitos por aliados, informa o repórter Nilson Klava, da GloboNews. Em mensagem ao grupo, Zanin disse que ao longo do tempo ele e a advogada […]

17 de julho de 2018

Chance perdida

Do advogado José Maurício de Barcellos: “Na nossa atual conjuntura, se de uma hora para a outra o povo rebelado marchasse sobre Brasília e lograsse conseguir o fechamento do Congresso e, também, do Supremo Tribunal Federal bem como o afastamento do Planalto de toda essa corja odiada que lá se encastelou, quantos cidadãos iriam para […]

14 de julho de 2018

Bolsonaro e a bêbada

Percival Puggina, escritor: “Ao noticiar o caso da mulher que assediou Jair Bolsonaro no aeroporto de Congonhas, quase todos os jornais que li instilaram sua dose de veneno contra o candidato afirmando que ele ‘se escondeu no banheiro’, ou que ‘se refugiou no banheiro’ ao ser xingado por uma mulher, ou que ‘se envolveu numa […]

13 de julho de 2018

A politização da Justiça

Luiz Carlos Azedo, no Correio Braziliense: “As fortes ligações dos membros das cortes superiores e tribunais de justiça com políticos não são nenhuma novidade, o fato novo é a punição dos políticos pelos juízes e tribunais, entre os quais o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), condenado a 12 anos e um mês de […]

12 de julho de 2018

O risco Toffoli

Joaquim Falcão, em “O Globo”, sobre a tentativa do PT de tirar Lula da cadeia: “O maior concorrente de Lula e do PT, nestas eleições, não é Ciro Gomes, Marina Silva, Geraldo Alckmin ou Jair Bolsonaro. O maior concorrente é o atestado de réu por corrupção passado pelo Poder Judiciário. Como contestar esse atestado? O […]

11 de julho de 2018

Factóide golpista

Paulo Fábio Dantas Neto, ainda sobre a manobra do PT para tentar tirar Lula da prisão: “Graças à amplitude da democracia que temos, falta àquele partido, como a qualquer outro, força política e respaldo social para tanto, ainda que alguns acalentem sempre esse desejo. Estivemos sim, diante de uma tentativa – entre inúmeras que surgirão […]

10 de julho de 2018

“Situação é pior que o pré-1964”

Jornal “Folha de São Paulo”: “Para o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL-RJ), a situação do país é ‘pior do que o período pré-1964’ e a decisão de soltar o ex-presidente Lula ajuda a criar clima de instabilidade que poderia levar a uma ruptura. À reportagem, o deputado criticou ainda o aparelhamento das instituições e disse não […]

7 de julho de 2018

Troco uma centena de corruptos

Percival Puggina: “Faríamos bom negócio se trocássemos 100 corruptos por um STF decente. Com um Supremo formado por juristas de alto nível, juízes de verdade, conscientes de seus deveres e responsabilidades, ficaríamos livre desse flagelo que mantém a nação em sobressalto. E os corruptos acertariam suas contas com a sociedade porque é isso que acontece […]