Ailton Villanova

6 de setembro de 2019

Atalaia

A cidade de Atalaia vivencia um momento de luto. É que morreu na manhã desta quinta-feira no Hospital da Unimed, no Recife/PE, Élvio Alves Brasil, aos 60 anos de idade, em virtude de complicações clínicas, enquanto aguardava o transplante de fígado. Por conta de problema de saúde, estava afastado das funções de Delegado de Polícia. Em Atalaia, sua terra natal, chegou a ser vereador durante dois mandatos seguidos; entre 1989 e 1996, e como se não bastasse, ocupou por duas vezes seguidas, o cargo de vice-prefeito, entre 2009 e 2014, nas gestões anteriores do atual prefeito Chico Vigário (MDB).

 Atalaia II

Como delegado, Élvio Alves trabalhou em diversas cidades sertanejas do estado, entre elas; Santana do Ipanema, Maravilha, Ouro Branco, Batalha e Delmiro Gouveia. Em 2007 dirigiu o Departamento de Polícia do Interior (Depin), em 2008 foi diretor do antigo departamento de Polícia Judiciária Metropolitano (DPJM). O corpo de Élvio será enterrado às 10hs desta sexta no cemitério de Atalaia.

Lamentação

 “Não consigo acreditar nessa trágica notícia logo pela manhã. Atalaia perde um grande homem! Um companheiro de lutas. Hoje eu não perco um amigo, perco um irmão. A vida nos prega grandes surpresas. Vai com Deus meu amigo Élvio Brasil. Descanse na paz do Senhor, pois Ele, assim como eu, sabemos da grandeza do seu coração! Minha eterna gratidão” publicou nas redes sociais o prefeito Chico Vigário.

Igreja Nova

A Codevasf está atuando numa obra da travessia de pedestres e veículos no rio Boacica, no trecho situado no povoado Ipiranga, em Igreja Nova. Trata-se de um investimento de uma nova estrutura a partir de recursos federais de cerca de R$ 1,35 milhões.  O rio corta o Projeto Público de Irrigação do Boacica, mantido pela Codevasf no município e principal atividade econômica da região com o cultivo de arroz, entre outras culturas.

Igreja Nova II

Atualmente a travessia do rio encontra-se deteriorada por conta do esgotamento da vida útil da estrutura, conforme contou o engenheiro civil da Codevasf Cláudio Newton, responsável por acompanha a execução do projeto de recuperação. “Já existe no local uma estrutura que hoje se encontra deteriorada pelo tempo. Implantaremos uma nova travessia nos mesmos modelo da anterior. Será retirada o que existe hoje e colocada a nova”, explicou. A atual estrutura foi implantado na década de 1980.

Arapiraca

O ASA não está em campo no Estádio Municipal Coaracy da Mata Fonseca, mas tem um time que está trabalhando a todo vapor. Trata-se dos operários e engenheiros que estão reformando e ampliando o Fumeirão.

Arapiraca II

De acordo com o engenheiro civil responsável pela obra do estádio, Eduardo Alexsander, o setor Leste com estrutura bem avançada, já está na faze de ligação das vigas transversais e longitudinais com as colunas e dando forma a uma nova arquibancada de concreto do Fumeirão.

Correria

O engenheiro afirmou que a obra do Estádio Coaracy da Mata Fonseca está sendo executada por etapa e que o prefeito Rogério Teófilo, juntamente com o secretário de Infraestrutura, Daniel Oliveira, está buscando a liberação de recursos no Ministério do Esporte, em Brasília, para conseguir que a obra seja concluída dentro do prazo previsto em 2020. 

Segurança

Delegados do Agreste e do Baixo São Francisco alagoanos estiveram reunidos na manhã de segunda-feira, a fim de  discutir estratégias objetivando melhorar ainda mais o trabalho realizado pela instituição na região. O encontro convocado pelo delegado Mário Jorge Barros, gerente de Polícia Judiciária da Região 3 (GPJ3), aconteceu na sede da PC, no bairro de Jacarecica, e teve também a participação de integrantes da Assessoria Técnica de Estatística e Análise Criminal (ATEAC).

Palmeira

Palmeira dos Índios tem a melhor governança municipal de Alagoas, de acordo com o Índice de Governança Municipal (IGM-CFA), na categoria entre 50 mil e 100 mil habitantes e PIB per capita acima de R$ 20.400,00. O estudo foi realizado pelo Conselho Federal de Administração (CFA) e os dados foram divulgados nesta terça-feira, no evento promovido pelo Conselho Regional de Administração (CRA), em parceria com a Associação dos Municípios Alagoanos (AMA).

Pontuações

No índice geral, Palmeira dos Índios teve a nota 6,83 pontos e no ranking nacional atingiu a posição 45. No Estado de Alagoas, o município aparece em primeiro lugar na categoria que pertence, a frente de municípios como Delmiro Gouveia (5,63), São Miguel dos Campos (5,25) e Rio Largo (4,95). Na média geral, o município obteve nota maior até mesmo que a cidade de Arapiraca (5,92) e da capital Maceió (5,16). O município vem de uma crescente melhoria, já que saiu da nota 5,69 referente ao ano de 2017 para os atuais 6,83 (2018).