Blog do Dresch

4 de julho de 2018

Toffoli anula decisão de Moro

Mais uma decisão do juiz federal Sérgio Moro foi cassada, desta feita pelo ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF). O juiz havia determinado que o ex-ministro José Dirceu colocasse uma tornozeleira eletrônica para cumprir medida cautelar em casa, sob monitoramento. Para o ministro, Moro agiu em “claro descumprimento” da decisão tomada anteriormente pela Segunda Turma do STF, que liberou o petista da cadeia, até a conclusão do julgamento de uma ação.

Toffoli enfrenta Moro 2

A decisão tomada por Dias Toffoli, foi a chamada “de ofício”, ou seja, sem que a defesa de José Dirceu tenha solicitado. Mas, conforme o regimento interno do STF, a demonstração incontroversa do descumprimento de uma decisão do Supremo, autoriza o relator do caso a adotar as medidas necessárias à restauração da determinação do tribunal. Para o ministro, Moro “extravasou as suas competências, à míngua de qualquer autorização do Supremo Tribunal Federal”.

 

Belos, porém, perigosos

Os balões de São João, que transformam as noites juninas em um espetáculo belíssimo, também são causadores de tragédias e de prejuízos. Mas esta tradição não é nordestina e sim do Rio de Janeiro onde a prática é proibida e combatida. Somente este ano a Polícia Ambiental carioca apreendeu 170 balões. No último domingo, em uma residência em Muriqui foram recolhidos gabaritos para fabricação de balões que poderiam chegar a 20 metros de altura. No ano passado foram apreendidos 108 balões além de 1.805 materiais utilizados na fabricação e soltura. A Polícia age em função das denúncias através do Disque Balão, criado há quase 20 anos para estimular a população a denunciar locais de fabricação e comercialização de balões, prevenir e reprimir a ação dos baloeiros. Desde o lançamento da campanha já foram recebidas mais de 6.800 denúncias. A campanha serve principalmente para sensibilizar a população sobre os riscos que os balões geram para conservação e preservação dos recursos ambientais e para a segurança. Mesmo assim não são raros os acidentes. Um dos mais emblemáticos foi o incêndio do Velódromo, no Parque Olímpico, em julho passado, provocado por um gigantesco balão.

A China nas Alagoas

Uma indústria chinesa, a ZTT, fabricante de fibras óticas está instalada e em operação no Polo Industrial de Marechal Deodoro, e agora os investidores chineses já trabalham para trazer a GsPak, uma multinacional com fábricas instaladas no Leste Europeu (Polônia) e na Ásia (Índia). Fabricante de embalagens acartonadas para alimentos, a indústria pretende utilizar a empresa em Alagoas para atender ao mercado da América Latina.

A China nas Alagoas 2

Segundo os empresários chineses que estiveram esta semana com o governador Renan Filho, o investimento será de aproximadamente R$ 100 milhões com a geração de 400 empregos. A empresa receberá do Estado o incentivo locacional, que é um terreno para sua instalação, cedido a preço simbólico. O objetivo, segundo o governador é atrair outras indústrias chinesas criando assim uma grande comunidade daquele país em terras alagoanas.

A China nas Alagoas 3

O governador alagoano revelou ainda que após outubro pretende fazer uma visita técnica a China, para conhecer outras corporações que tenham interesse em investir em Alagoas, e dessa forma ofertar novos empregos aos alagoanos. E os dirigentes estrangeiros veem em Alagoas a solidez fiscal e os incentivos fiscais que colocam o nosso estado na vanguarda das atrações de investimentos.

Abelhas matam cães

Um ataque de abelhas ocorrido segunda-feira em um canil no Lago Sul em Brasília, matou quinze cães e feriu outros animais e alguns moradores. Oito cães morreram no local e outros 30 foram encaminhados a uma clínica veterinária, onde mais 7 não sobreviveram. A maior parte dos cães eram da raça Yorkshire terrier e eram destinados a doação.

Abelhas matam cães 2

Os Bombeiros acreditam que os latidos podem ter atraído as abelhas, mais sensíveis ao barulho. Elas estavam em bueiros e após o ataque deram trabalho ao Corpo de Bombeiros porque estavam dispersas e sem um local específico onde estava a rainha da colmeia. Eles orientaram aos moradores locais para adotar alguns procedimentos para evitar novos ataques.

 

  • O vice-primeiro-ministro da Turquia, Bekir Bozdag, anunciou no domingo (1º) que o governo vai implantar a castração química para pessoas condenadas por crimes sexuais graves contra crianças e adolescentes.
  • Segundo a agência de notícias “Anadolu” o governo que obteve um novo mandato, vai implantar de forma decisiva a castração química, disse o ministro em contato com os jornalistas.
  • O ministro fez a declaração após condenar o assassinato de Eylül Yaglicara, uma menina de 8 anos que foi encontrada morta no sábado, com sinais de abuso sexual, numa operação que durou oito dias e mobilizou o país.
  • “É um crime atroz. Como governo, tomaremos medidas sérias para prevenir este tipo de crime, e no novo mandato daremos outros passos para revisar as penas e aumentá-las” afirmou o ministro turco.
  • Atualmente o código penal da Turquia prevê 15 anos de prisão para o abuso sexual de menores, podendo chegar a perpétua se a vítima morrer.
  • A castração química é um método para reduzir a libido e qualquer tipo de estímulo sexual. É usada para punir crimes sexuais em diversos país do mundo (Rússia, Indonésia, Canadá, Polônia e alguns estados dos EUA).