Roberto Baia

12 de setembro de 2018

Campanha cresce

“Esta casa está de portas abertas às 24 horas do dia, desde a época dos meus pais, Deputado Nezinho e Dona Paula, que sempre demonstraram um amor muito grande a nossa Arapiraca e a nossa gente”.

A afirmação foi feita na noite de segunda-feira (10), pelo deputado estadual e candidato à reeleição Ricardo Nezinho (MDB), em mais uma reunião com lideranças políticas e comunitárias de toda a Região do Agreste.

 

Qualidades

O ex-deputado estadual Marcelino Alexandre, empresários Gustavo Temóteo, Júnior Construcenter, Egnaldo Pedro, o presidente da Facomar, Brás Antônio de Farias, o ex-vereador Doutor Evilásio,  entre outras lideranças do setor produtivo e comunitárias  enalteceram as qualidades políticas do deputado Ricardo Nezinho, destacando a importância do seu papel na Assembleia Legislativa para Arapiraca, a Região do Agreste e todo o estado de Alagoas.

 

Sem salário

Com 7segundos – Os servidores municipais de Arapiraca, remanescentes dos contratos firmados com as OSCIPs cancelados, ainda sofrem os efeitos do imbróglio gerado pelas parcerias. Alguns funcionários procuraram o site para informar que o pagamento dos salários ainda estão pendentes.

 

Decisão judicial

O Ministério Público do Estado de Alagoas, por meio da 4ª Promotoria de Justiça, ajuizou ação civil pública para que, em caráter de urgência, a prefeitura de Arapiraca suspendesse as parcerias firmadas com o Instituto Viva a vida, a Elo Social de Gestão Pública – ELO e o Centro de Integração Pública e Social. Alguns dias depois, a Justiça determinou suspensão imediata de contrato com OSCIPs no município.

 

A sentença

Após a sentença proferida pela justiça, no último mês, as relações com as Oscips contratadas por Arapiraca (Integrar, Viva a Vida e Elo Social), tanto dos funcionários como da própria prefeitura, foram cortadas. Na ocasião, ficou a cargo da justiça decidir quais terceirizados seriam demitidos e quais cumpririam contrato até outubro, por terem sido contratados por PSS’s (Processo de Seleção Simplificado). No último caso, a própria Prefeitura de Arapiraca seria a responsável por realizar o pagamento destes funcionários.

 

Estão trabalhando

De acordo com informações, o trato não está sendo cumprido. Os trabalhadores terceirizados, que continuaram prestando serviço para a Prefeitura, estão com os salários atrasados. A Prefeitura, por meio de sua assessoria informou que a Procuradoria Geral do Município e o MPE estão trabalhando pra resolver o problema.

 

Concurso em Delmiro 1

Com Vanessa Alencar – A Câmara Municipal de Delmiro Gouveia, no Sertão de Alagoas, contratou a Fundação Vale do Piauí (Funvapi) para organizar o concurso público para preenchimento de cargos efetivos no Poder Legislativo local.

Conforme o extrato do contrato, publicado na semana passada, no Diário Oficial dos Municípios, a empresa contratada por 180 dias terá sua contraprestação exclusivamente por meio do recolhimento do pagamento das taxas de inscrição.

 

Concurso em Delmiro 2

Ontem, terça-feira (11), o presidente da Câmara, vereador Ezequiel de Carvalho Costa, nomeou quatro servidores para comporem a comissão especial organizadora do certame.

Ainda não há data para realização do concurso, nem foram definidos pontos como número de vagas, salários e funções.

 

Respeito à vida

A linha que separa a vida da morte é a da sensibilidade. Com esse tema, jovens seguraram cartazes com mensagens de otimismo que exaltava o amor e respeito à vida pelas ruas do Centro de Arapiraca na tarde de segunda-feira (10). A caminhada, organizada pela Coordenadoria Municipal da Rede de Atenção Psicossocial, da Secretaria Municipal de Saúde, buscou derrubar tabus e preconceitos em torno do suicídio.

 

Campanha

“A ideia da campanha Setembro Amarelo é discutir o assunto e divulgar ações preventivas, bem como ajudar as pessoas a identificar e auxiliar quem está mentalmente doente. Para prevenir o suicídio, é preciso conversar sobre o assunto. No Brasil, o tema não é tão abordado e estamos falando aqui da importância de escutar mais o outro”, declara Glifsson Magalhães, secretário de Saúde do município.

 

… Ter empatia, oferecer ajuda, fazer a pessoa se sentir acolhida, ajudar a lembrar quem tem pessoas na vida dela que ela pode acionar, como membros da família ou colegas de trabalho é o que a coordenadora da Rede de Atenção Psicossocial, Edna Veríssimo, destaca.

 

…  “A caminhada é um pontapé inicial do projeto e é um momento para chamar a atenção da sociedade para que todos entendam como é importante prevenir e ajudar, nunca criticar ou julgar”, disse.

 

… “Pretendemos prolongar as ações até o mês de dezembro com palestras e ações nas escolas, empresas e locais solicitados”, ressalta a coordenadora da Rede de Atenção Psicossocial.