Roberto Baia

4 de julho de 2018

Pense num consenso!!!!!!!

Vejamos o que planta na imprensa a assessoria do deputado estadual Rodrigo Cunha, pré-candidato ao Senado:

“Arapiraca pode ter um representante nascido e criado na cidade, ocupando uma cadeira no Senado Federal. A situação é motivo de orgulho para a população, que sempre fez questão de colocar seus conterrâneos em cargos eletivos importantes, seja no Legislativo ou no Executivo. O nome da vez, que se tornou “consenso” na disputa majoritária, é Rodrigo Cunha, que no último dia 10 de maio anunciou a pré-candidatura ao Senado Federal”.

Deus do céu!!!!

 

Mais bobagens

E tem mais bobagens na declaração de Cunha: “O momento exige de todos nós muita ousadia para superarmos o velho e fazermos brotar o novo, abrindo mão dos caminhos mais fáceis. E para travar esta difícil batalha é preciso ocupar um espaço político de onde saem às decisões mais importantes do país e nascem às articulações mais decisivas para a vida política de Alagoas”, escreveu Rodrigo, numa carta aberta aos alagoanos para contar as razões por ter feito a escolha pela pré-candidatura ao Senado.

Pode?

 

Quanta coragem hein…

Foi diante da corajosa decisão de Cunha que as principais lideranças de Arapiraca decidiram deixar as diferenças de lado e se unirem em apoio ao jovem pré-candidato. Além do já conhecido suporte do companheiro de partido e atual prefeito do município, Rogério Teófilo, a ex-prefeita e atual pré-candidata a deputada estadual, Célia Rocha, vai apoiar Rodrigo nesta eleição, que promete ser a mais dura de todas.

 

Tirando onda…

“Consciente que tô, indicando um belíssimo nome para nos representar no senado da república, eu quero declarar para o povo de Arapiraca que o meu pré-candidato ao senado é Rodrigo Cunha. Sei da história, sei de onde ele vem e sei que o Juvenal e a Ceci permitiram que ele tivesse a melhor construção, como ser humano sério, ético e inteligente. Por isso eu estou com Rodrigo Cunha”, declarou Célia Rocha.

Quanta hipocrisia hein???!!! Deixa para lá.

 

Violência

Um homem foi morto, com extrema violência, na manhã desta terça (3), em Arapiraca. A vítima foi encontrada em sua moradia com golpes de arma branca por todo o corpo, deixando-o desfigurado.

 

A vítima

 

A pessoa morta não foi identificada pela polícia; era conhecida pelos vizinhos como ‘Igaci’ e tinha cerca de 50 anos. Segundo testemunhas, o homem era amigo do vigia do terreno; este amigo morava no barraco em que Igaci foi encontrado morto. O crime ocorreu na Rua Pedro Álvares Cabral, no bairro Primavera.

Golpes de facão

Acredita-se que Igaci foi vítima de golpes de facão. A Polícia Militar, o Instituto de Medicina Legal (IML) e o Instituto de Criminalística (IC) foram acionados no local. O dono do terreno e o vigilante, dono do barraco, ainda não foram ao local.

 

Licitação

Com Paulo Marcelo: O gerente da Unidade do Agreste da Casal, Tácito Marques, confirmou na terça-feira (3) que o processo de licitação para aquisição dos Distritos de Medição e Controle (DMCs) já foi concluído e que nos próximos nesses os equipamentos serão instalados na rede de distribuição em Arapiraca.

 

Redução de perdas

De acordo com o engenheiro químico, os equipamentos serão usados para controlar e equilibrar a pressão da água e com isso identificar e reduzir perdas. Os recursos serão investidos pela Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal) e pelo Governo do Estado, dentro do Plano de Investimentos da empresa 2017/2018 que receberá R$ 100 milhões.

 

Vazamento

Ele explicou que quando ocorre algum vazamento em áreas de grande pressão, os técnicos precisam suspender o bombeamento de toda região para poder solucionar o problema. Com estes equipamentos, os vazamentos poderão ser contidos em menos tempo sem prejudicar o abastecimento da população.

 

… “Com instalação dos DMCs, com válvulas reguladoras de pressão, vamos obter melhores resultados e menos perda de água nos pontos de vazamento.

 

… O controle será mais eficiente, pois será possível diminuir a pressão até mesmo durante as madrugadas, quando o consumo é reduzido. O desperdício será minimizado à medida que vamos implementando o sistema nos Distritos de Medição e Controle”, disse Tácito Marque

 

… A Casal, com apoio do Governo do Estado, também vai dar continuidade à substituição de redes antigas e obstruídas por novas redes de distribuição de água.