Flávio Gomes

22 de junho de 2018

Temer rejeitado

Josias de Souza: “Michel Temer tornou-se um presidente extremamente impopular também no seu partido. Candidatos do MDB ao Legislativo revelam-se capazes de tudo, menos de vincular seus projetos eleitorais ao presidente da República. Caciques políticos regionais receiam que a ruína do governo Temer comprometa um dos principais trunfos do partido: a supremacia de suas bancadas na Câmara e no Senado. Repete-se sob Temer um fenômeno que marcou o governo de José Sarney. Depois de chegar à Presidência sem passar pela pia batismal das urnas, o (P)MDB transformou a vitrine do Planalto num forno de micro-ondas. Um dos espetáculos mais divertidos da campanha eleitoral de 2018 será a acrobacia retórica dos emedebistas para se distanciar do presidente carbonizado. Há casos extremos, como o do senador Renan Calheiros, que tenta se reeleger em Alagoas esgrimindo uma retórica que mistura elogios a Lula e ataques frontais a Temer. Mas a maioria dos candidatos do MDB sinaliza a intenção de não mencionar o nome do presidente durante a campanha —a não ser em legítima defesa, quando algum adversário tentar estragar o jogo de esconde-esconde. O feitiço ameaça enfeitiçar também a hipotética candidatura presidencial de Henrique Meirelles. Com uma taxa de intenção de votos mixuruca —1% no Datafolha— o ex-ministro da Fazenda também é tratado pelos correligionários que pleiteiam cadeiras no Congresso como um espantalho de votos.”

Alternativa

Descartado o deputado federal Ronaldo Lessa para deixar o governo e ser concorrente de Renan Filho, surge Fernando Collor como uma opção oposicionista. Interessante que a primeira suplente do senador é Renilde Bulhões, mãe do deputado Isnaldo Bulhões, um dos mais prestigiados no Palácio República dos Palmares.

Imprevisível

Descartados Rui Palmeira, Rodrigo Cunha, José Thomaz Nonô e, agora, Ronaldo Lessa, Collor tem sido citado como última alternativa viável de oposição à reeleição de Renan Filho. Até agora o senador tem reafirmado ser candidato novamente à Presidência da República, mas, em se tratando “delle”, tudo parece ser possível.

Argumento

O que mantém ainda acesa a esperança da oposição é que Renan Filho, praticamente único candidato com reais chances de vitória, não consegue superar os 35% das intenções de voto. Para muitos, pelo muito tempo de exposição como candidato ele já teria chegado ao limite e, havendo opositor, poderia estagnar.

Registro

As cinzas do jornalista Audálio Dantas serão jogadas na nascente do Rio São Miguel, em Tanque D’Arca, como parte de programação prevista para o dia de hoje na sua cidade natal. Alagoas está a lamentar também a morte de José Marques de Melo, outro jornalista conterrâneo que nos deixou para fazer sucesso em São Paulo.

As obras da BR 416, que liga os Municípios de Colônia de Leopoldina a Ibateguara, passou a ser prioritária, com sua inclusão como empreendimento do PAC. O anúncio foi feito pelo deputado federal João Henrique Caldas. Segundo JHC (PSB), falta apenas o DNIT enviar o projeto para análise para a obra ser iniciada.

Até vós?

Do site “O Antagonista”: “Entre os 190 deputados que assinaram o requerimento para criação de uma CPI destinada a matar a Lava Jato, está praticamente toda a bancada do PSOL: Chico Alencar, Glauber Braga, Jean Wyllys, Luiz Erundina e Edmilson Rodrigues. Só Ivan Valente não assinou.” O PSOL defende “Lula livre”.

 

*A partir de hoje acontece a festa junina que a Prefeitura de Maceió programou para Jaraguá, com apoio do Governo Federal e da Caixa Econômica Federal. Até o dia 30  haverá shows no Estacionamento de Jaraguá e nas Praças Dois Leões e Marcílio Dias.

*E de hoje a 30 de junho o Estado promove festejos em dois bairros de Maceió, Jacintinho e Benedito Bentes, e também em Delmiro Gouveia, Matriz do Camaragibe, Chã Preta, Jacuípe, Palmeira dos Índios, Jundiá, Paripueira e Barra de Santo Antônio.

*As inscrições para a terceira edição do Edital Algás Social foram prorrogadas até 5 de julho, 17 horas. Com o edital, a Algás vai contemplar projetos nas áreas de cultura, educação, esporte, meio ambiente ou saúde com R$ 30 mil para cada selecionado.

*Durante esta semana, alunos de engenharia, direito, psicologia e medicina veterinária da Faculdade Regional da Bahia (UNIRB) em Arapiraca realizam intervenção no Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro Pop).

*O Governo do Estado abriu inscrições para o II Concurso de Monografias do Arquivo Público de Alagoas. As monografias e os respectivos documentos, contendo dados do autor, deverão ser entregues até 29 de julho de 2018, ao Arquivo Público de Alagoas.

*Será celebrada hoje, às 17h30m, na capela do Convento dos Capuchinhos, no Farol, a missa do 7º dia da morte de José Paulo Moura Albuquerque, que por muitos anos atuou no departamento médico do CRB. Ele faleceu, aos 66 anos, por problemas cardíacos.

 “Por que esses partidos não expulsam quem se envolveu em corrupção?

Sérgio Moro

Juiz federal, chefe da Operação Lava Jato