Flávio Gomes

29 de maio de 2018

O fator RC

Bernardino Souto Maior, em seu blog: “A política alagoana tem um líder que responde pela sigla RC – Renan Calheiros. Porém é outro RC que tem tirado o sono de uma boa parte dos caciques locais. RC – Rodrigo Cunha – que entrou no jogo há apenas 15 dias e virou de pernas pro ar o quadro eleitoral impondo novo cenário. Tanto que nesta semana em jantar em Brasília, ofertado pela AMA que recepciona 60 prefeitos alagoanos em Brasília. Neste jantar unidos na mesma mesa Renan Calheiros, Fernando Collor, Benedito De Lira, Marx Beltrão, Maurício Quintella, João Caldas e demais líderes como deputado e prefeitos. O assunto na mesa foi as eleições 2018. Uma grande união de todos os tradicionais políticas de Alagoas para que todos possam sair fortalecidos este ano. Alguém vai ter que ceder, e pela preferência da classe política onde alguns prefeitos deram depoimento o desejo é a união de Renan e Biu. Assim Maurício Quintella e Marx Beltrão teriam que abrir mão do Senado. Há quem já defenda Quintella vice governador de Renan Filho. E se assim ocorrer mais uma vez teríamos um grande mudança do cenário eleitoral. A fonte do blog foi um Prefeito que é do PMDB, vota nos Calheiros e também vota no Senador Benedito. E expressa ‘o desejo de grande parte da classe política é a união de todos em defesa do desenvolvimento de Alagoas’, e claro para tentar conter o crescimento de Rodrigo Cunha’.”

Proposta

Otávio Leão Praxedes, presidente do Tribunal de Justiça de Alagoas, em defesa do Poder Judiciário: “A sociedade deve sentir orgulho de seu Poder Judiciário. Para isso, a conduta e a atuação do julgador devem ser pautadas na ética, no equilíbrio e na independência, inspirando segurança e confiança, jamais o temor.”

Cobrança

Até ontem, pelo menos, a intenção do deputado federal Marx Beltrão era manter a sua candidatura a senador, pelo PSD. Ele tem dito, inclusive às pessoas mais próximas, que aonde chega as lideranças apelam para que ele insista na disputa ao Senado. E não vê, pelo menos no momento, nenhuma condição de retroceder.

Sem volta

Se Marx Beltrão quiser ir à reeleição, os problemas são menores, pois ele tem um irmão candidato e pode manter os redutos. Difícil é para Maurício Quintella, pré-candidato ao Senado pelo PR, que repassou as suas bases para Sérgio Toledo, Isnaldo Bulhões e Givaldo Carimbão. Aí, fica bem mais difícil pedi-las de volta.

Ao Planalto

Em entrevista à TV Senado, Fernando Collor (PTC/AL) reafirmou que é pré-candidato a Presidente da República. Descarta, assim, a possibilidade de concorrer ao governo de Alagoas, como se especulava. Pelo que argumentou, o seu propósito é concluir aquilo que não lhe foi permitido, por conta do processo de impeachment.

Reação

O senador Renan Calheiros (MDB/AL) reagiu à ideia do governo de aumentar impostos para compensar redução nos preços dos combustíveis: “Já temos, no Brasil, 13,7 milhões de desempregados. Reonerar a folha das empresas, neste momento, significa ainda mais demissão; significa que esse desemprego ainda vai aumentar mais.”

Por cima

O governo anunciou acordo para acabar a greve dos caminhoneiros, mas fez propostas apenas para diminuir os custos do óleo diesel. Nada sobre os preços da gasolina. Adriano Bandeira, do Sindicombustíveis/AL, diz que a gasolina chegou ontem em Alagoas a R$ 4,37 o litro, sem incluir ainda os custos para revenda.

Opinião

Monteiro Lobato, escritor de histórias infantis, ao defender a exploração do petróleo pela iniciativa privada, na década de 40: “Esse produto é o sangue da terra; é a alma da indústria moderna; é a eficiência do poder militar; é a soberania; é a dominação. Tê-lo é ter o sésamo abridor de todas as portas. Não tê-lo é ser escravo.”

*Nossa solidariedade à família de “Canetinha”, querido publicitário e apresentador de rádio e TV, pela tragédia que foi, no sábado passado, a perda de um filho, aos 31 anos de idade. Que ele e a família possam enfrentar com firmeza mais essa adversidade.

*Estudantes do curso de Gastronomia da Uninassau realizam, até hoje, o I Festival de Histórias da Gastronomia. Na atividade estão sendo apresentados pratos desenvolvidos com técnicas clássicas e contemporâneas, no hall do Campus Ponta Verde.

*Em alusão ao Dia Mundial sem Tabaco, que ocorre 5ª feira, 31, a Secretaria de Estado da Saúde realiza hoje ação de conscientização sobre os riscos do tabagismo, no Calçadão do Comércio, a partir das 8h30m Além de panfletagem, haverá palestras.

* A Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude promove hoje a terceira edição do Fórum de Gestores de Juventude, visando atualizar os programas de políticas públicas para juventude. No Auditório Lauthenay Perdigão, do Trapichão, a partir das 8 horas.

*São José da Laje, na Zona da Mata, será a primeira cidade do interior do Estado a ter um Arquivo Público Municipal, com apoio do Governo de Alagoas, por meio do Arquivo Público de Alagoas (APA). O anúncio foi feito durante o 10º Chá de Memória.

*A Diretoria de Teatros do Estado de Alagoas continua recebendo inscrições das propostas de apresentações para a 14ª edição do projeto Quinta no Arena, no Teatro de Arena Sérgio Cardoso. Os interessados podem se inscrever até o dia 10 de junho.

*O CRB virou alvo de gozação constante da torcida do CSA. Tanto pelos resultados negativos no Campeonato Brasileiro da Série B como por estar perdendo, também, os confrontos das competições amadoras, após perder o título profissional este ano.

“Existe uma minoria muito bem protegida no Brasil, atualmente: são os corruptos”

Luís Roberto Barroso

Ministro do Supremo Tribunal Federal