Edmilson Teixeira

23 de março de 2018

Chã Preta, em defesa da água!

Ontem foi o Dia Mundial da Água, produto tido com um dos principais elementos da natureza. Claro que jamais vivemos sem ela. Na verdade  precisamos nos conscientizar, para fazer sempre o uso desse importante recurso de forma sustentável, para que não venha nos faltar. Pois no  município de Chã Preta, a Prefeitura viabiliza todas as terças-feiras, a coleta  do produto de poços, cacimbas e até das torneiras residenciais para análises de suas qualidades. “Recomendamos que as pessoas  procurem o setor da Vigilância Sanitária do Município e agende uma visita. A água será enviada para a análise no Lacem e o resultado entregue posteriormente”, afirma a prefeita Rita Tenório.

 TV arcaica

Esta semana, a “Seja Digital” atingiu o patamar de 80 mil kits gratuitos distribuídos para as famílias de menor renda atendidas pelo Governo Federal na região metropolitana de Maceió. A distribuição do kit gratuito, que conta com antena digital e conversor com controle remoto, é uma das missões da Seja Digital, entidade não governamental e sem fins lucrativos, criada por determinação da Anatel para operacionalizar a migração do sinal analógico de TV para o digital.

Prazo

O desligamento do sinal analógico de TV em Maceió e de outras 12 cidades está previsto para acontecer no dia 30 de maio. Após essa data, só será possível assistir à programação da TV aberta por meio do sinal digital. “Temos ainda cerca de 135 mil kits para serem distribuídos e não vamos deixar ninguém para trás”, afirma Rafaela Pontes, gerente regional da Seja Digital. Para saber se tem direito ao kit, a população deve ligar gratuitamente para o número 147 com NIS (Número de Identificação Social) em mãos ou acessar o portal sejadigital.com.br/kit.

Jequiá da Praia

Na quarta-feira,  mais de 450 alunos da rede municipal estiveram na quadra poliesportiva da cidade, a fim de aprender sobre previsão do tempo, monitoramento dos rios, enchentes e deslizamentos de terra. A ação fez parte da comemoração do Dia Mundial da Água, celebrado ontem, e foi de grande valia para a Maria Luiza, estudante do 9º ano. “Aprendi como agir diante de uma situação de risco e esclareci muitas dúvidas sobre as causas de um desastre natural”, conta.

Recordação triste

Com o objetivo de alertar os estudantes de Jequiá da Praia, a secretária de Meio Ambiente da cidade, Luana Sportono, avalia a palestra como satisfatória. “Os alunos possuem a mente aberta para novos conhecimentos e curiosidades, principalmente após a enchente de 2017, ou seja, todo esse aprendizado será repassado para os familiares, vizinhos e amigos”, avalia.

Tubulação

Ontem em Arapiraca a Algas participou do II Fórum Alagoano de Gás Natural. O evento serviu para focar o futuro daquela região, preste a ser beneficiado com um combustível econômico, limpo e eficiente: o gás natural. É que segundo a empresa, o produto logo chegará ao Agreste através da implantação do gasoduto Penedo-Arapiraca. Pois foi para apresentar possibilidades de uso e vantagens do combustível, especialmente para os segmentos industrial e comercial, que a distribuidora de gás natural do Estado promoveu esse evento.

Argumento

 

O gerente comercial da Algás, Fabio Sousa, foi um dos palestrantes do evento. Falou da inauguração do gasoduto Penedo-Arapiraca, expondo como o empreendimento levará desenvolvimento para a região. “A disponibilidade do combustível tende a atrair novas indústrias e empreendimentos para as cidades do interior e, consequentemente, traz diversidade ao cenário econômico”, disse.

Igreja Nova

 

Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol) recebeu a denúncia de que a Delegacia de Igreja Nova ficou com 23 presos na quarta-feira, contrariando a determinação do Ministério Público que proibiu a permanência de detentos no local, devido às precárias condições estruturais da Delegacia. A Delegacia apresenta superlotação constantemente.

Vergonha

Com problemas de encanação na fossa da Delegacia, os dejetos dos presos ficam expostos na área causando mau cheiro em toda redondeza. E como se não bastasse, existem entulhos com materiais de apreensão, como moto e carros, poluindo o ambiente ocasionando estranhas doenças. As paredes apresentam rachaduras com infiltrações e mofo. A instalação do ar condicionado do alojamento está com infiltrações. A mobília é velha, expondo cadeiras com estofados rasgados. Várias portas quebradas.

Impressionante

Ontem pela manhã, Jailson Saturnino um veterano  pescador do município de Poço Redondo/SE, capturou de molinete um peixe da espécie Camurupim, pesando 59 quilos e medindo 1,70 de altura. O animal foi pescado no rio São Francisco entre as localidades de Piranhas e Entre Montes no Estado de Alagoas.

Narração

Questionando o peixe Camurupim o zootecnista José Roberto, que presenciou a chegada do animal no mercado de pescado de Pão de Açúcar, sobre a conexão entre a captura do Camurupim e a repentina cheia do Rio São Francisco na manhã de ontem, o Roberto afirmou que não há relação alguma. Segundo ele, outros exemplares dessa espécie foram capturados recentemente na mesma região, mesmo sem a cheia do rio.

Piranhas

Por falar em Piranhas, ontem também, um evento organizado pela Secretaria de Cultura do Estado estava programado para ser realizado durante o dia D do Governo Presente no Distrito do Piau, lá em Piranhas, no Sertão de Alagoas.  Porém, houve um fracasso e ninguém compareceu. É que houve um manifesto onde alguns moradores utilizaram cartazes e pediram a afastamento da secretária Mellina Freitas que já foi prefeita do município. “482 processos” dizia uma dos cartazes sobre a trágica administração dela em Piranhas, requintada num rombo de mais de 16 milhões de reais sobre notas frias, conforme o MPE.