Blog do Dresch

17 de março de 2018

Um bom papo neste Domingo com o Bonde do Zé

Para quem gosta de um bate papo agradável, em áreas diversas, do esporte à música, da política à literatura, o Canal Brasil estreia no próximo Domingo (18) o programa, “O Bonde do Zé”, (21h) apresentado pelo jornalista José Trajano. Segundo ele próprio, o programa é uma saga deliciosa de 13 episódios, com bate-papos gravados numa casa em Santa Tereza. A direção é de Pedro Asbeg (do documentário “Geraldinos”) e o primeiro entrevistado é Zico, que bem à vontade conta deliciosas histórias do futebol e dos bastidores. Trajano é torcedor fanático do América (RJ) onde jogou o Edu, irmão do Zico. Também conversam sobre um assunto pouco conhecido, a prisão do irmão Nando durante a ditadura militar e a perseguição que sofreu em todos os times que jogou.

Trajano e o Bonde do Zé 2

O programa ainda tem muita coisa a apresentar. Entrevista com a craque do basquete Magic Paula, e convidados diversos como Ciro Gomes, Fernando Haddad, Professor Pasquale, (seu amigo-irmão) Juca Kfouri e até Lula. “São convidados conversando, cozinhando, fazendo drinques. Quando o Lula veio, trouxe oito quilos de rabada. Comprei agrião, cinco quilos de polenta e foi aquela festa” disse ele, que já prepara uma nova lista de convidados. Recém-saído do canal fechado esportivo ESPN, por pressão do governo federal, José Trajano permanece ocupando os espaços que surgem da imprensa brasileira, para quem divide com ele ou admira suas ideias e opiniões.

Lava-Jato é 10% da corrupção

O ministro da Justiça, Torquato Jardim, afirmou esta semana, durante palestra em São Paulo, que a “Operação Lava-jato apura apenas 10% da corrupção do país”. Segundo ele, o que ocorre cotidianamente nos estados e municípios é muito mais sério do que a Lava-Jato apurou. Disse ainda que “o combate vem sendo eficaz em algumas capitais. O resto do Brasil está fora. O Brasil tem 5.570 municípios. Dos 3.500 que foram auditados pelo Ministério da Transparência para saber do uso da verba federal, dois terços somem com o dinheiro da merenda escolar, do material escolar e da saúde. Isso é muito mais sério que a Lava-Jato. Estão destruindo o futuro do Brasil, estão destruindo as crianças brasileiras” disse o ministro. Ele também falou sobre “a importância do envolvimento da sociedade civil com o assunto. Em tom de reclamação, disse que há poucos anos atrás, em São Paulo, o estado mais rico do país “todos os réus do mensalão foram reeleitos deputados federais, com exceção de um” afirmou ele.

Pilar no Pró-Estrada

O município do Pilar irá receber nos próximos dias os trabalhos de pavimentação de vias urbanas. Ordem de serviço neste sentido foi assinada ontem pelo governador Renan Filho e pelo secretário de Transporte e Desenvolvimento Urbano, Mosart Amaral. Das onze cidades que fazem parte da Região Metropolitana, sete já foram contempladas com os serviços do Pró-Estrada. Em todo o Estado, o programa já alcançou 800 quilômetros entre recuperação e construção de vias e rodovias, tendo beneficiado mais de 60 municípios e oito povoados.

Ossos de aviadora

Um novo estudo feito em alguns ossos encontrados em uma remota ilha do Pacífico Sul, que acreditava-se serem de um homem, podem ser da famosa aviadora Amelia Earhart, que despareceu na região em 1937. O estudo foi conduzido por pesquisadores de antropologia da Universidade de Tennessee, que concluíram pela possibilidade de os ossos serem mesmo de Amelia. O desaparecimento é um dos maiores mistérios da aviação, tendo fascinado historiadores por décadas e dado origem a uma série de livros. Ela desapareceu em um voo pioneiro de volta ao mundo, com o navegador Fred Noonan.

Ossos de aviadora 2

Uma das teorias mais convincentes é que o casal teria ficado sem combustível e tiveram de abandonar a aeronave na Ilha Gardner, na República de Kiribati. Ossos de um crânio foram encontrados por uma expedição em 1940 e encaminhados ás Ilhas Fiji, onde determinou-se que pertenciam a um homem robusto. Os ossos desde então ficaram perdidos. Os novos estudos, elaborados a partir de um programa de computador comparando com as medidas de comprimentos ósseos de Earhart, obtidos através de fotografias, concluíram que provavelmente os ossos eram da aviadora. Este, até agora é o argumento mais convincente, garantem os pesquisadores.

Fim de semana no Museu

Um evento cultural e científico está de volta ao Museu de História Natural da Universidade Federal de Alagoas. A 15ª edição do Fim de Semana no Museu traz diversas atrações voltadas ao conhecimento nestes dias 17 e 18. A programação conta com oficinas, jogos, palestras, shows e outras atividades. São atrações envolvendo as áreas de Paleontologia e Geologia voltadas para despertar o interesse do público pela ciência. O evento tem o objetivo de mostrar ao público um pouco do trabalho que é realizado pelos universitários junto ao Museu e seu acervo.

 

 

  • Considerada a “Mona Lisa holandesa” e uma das produções artísticas mais famosas do mundo, a tela “Moça com Brinco de Pérola” vai ser objeto de uma nova investigação para tentar descobrir os mistérios sobre sua produção.
  • A obra prima de Johannes Vermeer, pintada em 1665, está em exposição há mais de um século no Mauritshuis, no centro de Haia. O último estudo sobre o quadro ocorreu em 1994.
  • Os pesquisadores são fascinados pela figura da jovem com olhos enigmáticos que usa uma faixa azul e amarela na cabeça. Os estudiosos ainda se perguntam como Vermeer pintou essa peça de arte, e os materiais que usou.
  • Agora serão usadas tecnologias mais recentes como os raios-X-fluorescentes e a microscopia digital.
  • Instalados dentro de uma estrutura de vidro fechada, especialistas internacionais examinarão minuciosamente “a tela, os pigmentos e o óleo”.
  • Durante duas semanas, o Museu irá hospedar um dos centros de pesquisa mais avançados da Terra.