Flávio Gomes

2 de fevereiro de 2017

O estilo Doria

Do jornalista Jorge Oliveira: “João Doria, o prefeito, responsável pela tragédia cultural da livre criação, é o nosso Trump tupiniquim. Eleito no primeiro turno das eleições paulista, substituiu um petista que bateu todos os recordes de rejeição. Mas conseguiu chegar ao topo da administração de uma das maiores cidades da América Latina sem nunca antes ter sido testado nas urnas, vendendo à população o discurso do não político. E, surpreendentemente, age como os políticos carimbados com demagogia e populismo barato. Ao tomar posse transformou-se em gari, pedreiro e ciclista. Uniformizou-se e foi para as ruas catar lixo. Não demonstrou nenhuma habilidade na nobre tarefa de limpar a cidade nem na de pedreiro e muito menos na de ciclista. Mostrou-se incapaz até para imitar o ex-prefeito Jânio Quadros, o exótico político, fabricado também pelos paulistas, que governava (?) com uma vassoura. Doria, que se diz apolítico, quer cativar a população com demagogia.  Quer parecer igual à massa que o elegeu. Quer passar por todas as experiências para governar tomando as decisões acertadas, nada mal para um executivo forjado dentro de um escritório. Até terminar o mandato ainda pode ser trocador de ônibus, leão de chácara, motorista de táxi, vendedor ambulante, feirante, garçom, entregador de pizza, ambulante, chincheiro e cozinheiro. Com tantas atividades, certamente, não vai sobrar tempo para São Paulo.”

Quem manda

Diz a Constituição que os poderes são independentes e harmônicos. Na prática, o que existe é a supremacia do Executivo, e nenhuma independência. Basta ver a influência do Executivo nas eleições para Câmaras de Vereadores, Congresso Nacional e Assembleias Legislativas, além de nomeações para tribunais.

Opções

No ano passado o ex-governador Téo Vilela, presidente regional do PSDB, chegou a falar com Renan Filho para estancar o assédio do governador por lideranças políticas tucanas. Como neste início de ano o assédio recomeçou, o PSDB deve reagir de novo. Ou, então, se calar e, consequentemente, consentir.

Futuro

Avaliações de experts em política indicam que Téo Vilela ainda é o nome mais forte do PSDB para concorrer ao Senado ou ao governo, no próximo ano. Para governador ele já disse que não quer, mas admite tentar voltar ao Senado. As alternativas tucanas para esses dois cargos são Rui Palmeira e Rodrigo Cunha.

Prioridade

Do prefeito de Arapiraca, Rogério Teófilo: “A grande bandeira da minha gestão será a educação. E quero que Arapiraca seja reconhecida como a melhor educação do Estado. E ainda assumo o desafio de levar a família para a escola. Sendo assim, sugiro um título para a educação do município: ‘Escola Família’.”

Em parte

Rogério Teófilo repassou, anteontem, R$ 1,5 milhão de empréstimos consignados, referentes a dezembro. E pagou os salários de janeiro de cerca de 80% dos servidores, incluindo os da Educação, Saúde, Assistência Social e aposentados. O restante de janeiro e o pagamento de dezembro continuam pendentes.

Cobrança

Do deputado estadual Rodrigo Cunha, ao tratar com o presidente do Tribunal de Justiça, Otávio Praxedes, do cumprimento da lei que concede desconto de 50% nos cartórios, na compra do primeiro imóvel financiado: “É um direito do consumidor, mas por interesse de uma minoria apenas em Alagoas ele não é concedido”.

Opinião

Gustavo Krause, ex-governador (PE) e ex-ministro da Fazenda: “Subitamente, o imponderável – a morte trágica do Ministro Teori Zavascki – “uma trapaça da sorte”, na feliz expressão do Ministro Luís Roberto Barroso, joga uma penumbra sobre o futuro do Brasil. Que seja, apenas, uma penumbra e que a trapaça pare por aí.”

 

*Por questão de segurança, em função do que sabe sobre relações espúrias de poderosos da República, o empresário Eike Batista não deveria estar recolhido a um presídio comum. Ao menos até prestar depoimento assinado, com áudio e vídeo gravados.

*Acontece hoje a Festa Solene da Padroeira de Arapiraca, Nossa Senhora do Bom Conselho, com programação litúrgica comandada por Dom Valério Breda, Bispo Diocesano. Às 17 horas, haverá celebração, com o Padre Antenor, e procissão.

* A Pointer, fábrica de Revestimentos Cerâmicos pertencente ao Grupo Portobello, recebe a imprensa para café da manhã, hoje, de lançamento da campanha “Morada Brasileira: Cotidiano”. Às 9 horas, no Polo Industrial de Marechal Deodoro.

*Hoje, 19 horas, na Unidade Poço, o Senac realiza a palestra “Hemotransfusão e Doação de Medula Óssea”, com a biomédica Milena Carla Meirelles. A inscrição para o evento, aberto ao público, custa 1kg de alimento e pode ser realizada em uma unidade do Senac.

*A Procuradoria Geral do Município de Maceió realizará teste seletivo de estágio na área de Direito. São ofertadas 5 vagas, mais cadastro de reserva. Para participar, é preciso estar cursando, no mínimo, o 5º período da faculdade de Direito no ato da inscrição.

*Os carnês do IPTU 2017 já são distribuídos pela Prefeitura de Maceió, através dos Correio. Além de receber em casa, a população também conta com a possibilidade de acesso on line aos boletos, para impressão, pelo site www.maceio.al.gov.br/smf.

*Hoje, às 16 horas, o Parque Ceci Cunha, em Arapiraca, será palco do Terceiro Beach Rugby, que terá equipes, sendo cinco masculinas e três femininas. Com participação do ASA Arapiraca Rugby Club (AARC), que em 2015 foi 3º colocado da Copa Nordeste.

 

 

“Se for possível conceder os reajustes, vamos conceder”

Fabrício Marques Santos

Novo secretário estadual do Planejamento e Gestão Pública, admitindo que também para este ano não está garantido o reajuste dos servidores