Roberto Baia

26 de janeiro de 2017

Está bem de saúde

Assessores da ex-prefeita Célia Rocha informam que ela ainda permanece internada em um hospital de São Paulo, onde está fazendo tratamento. Adiantaram, no entanto, que ela está bem e deverá continuar por mais alguns dias.

Célia só deverá retornar a Arapiraca no final de semana.

 

Comércio de Traipu

Com ASCOM – O prefeito de Traipu, Eduardo Tavares, anunciou, na manhã de terça-feira (24), que o comércio local ganhará prioridade em todas as compras realizadas pelo Executivo municipal em variados segmentos. Para isso, contudo, os varejistas terão apenas que estar devidamente formalizados como empresa junto aos órgãos responsáveis.

 

Setores beneficiados

Em princípio, a estimativa é de que serão beneficiados, de uma única vez, os setores de alimentação, material de limpeza e hortifrutigranjeiro, proporcionando o incremento na renda de dezenas de famílias.

O anúncio foi feito durante reunião realizada no Clube São Vicente, em Traipu, com 200 pequenos e micro empresários que possuem negócios em setores diversos. A inciativa do prefeito Eduardo Tavares é para que a economia de Traipu – localizado no Baixo São Francisco, a 195,8 quilômetros de Maceió, seja incrementada o mais rápido possível.

 

Unir forças

“Vamos unir forças para trazer nossa pequena riqueza para dentro de nossa cidade. Trata-se de uma alternativa encontrada pela Prefeitura de Traipu para que cada vez mais nosso comércio se fortaleça”, explicou o prefeito Eduardo Tavares.

 

 

Corpo na Perucaba

Na manhã de ontem (25), o corpo de um homem foi encontrado boiando as margens do Lago da Perucaba, em Arapiraca.

O Instituto Médico Legal (IML) e o Instituto de Criminalística (IC) foram acionados. Uma irmã da vítima chegou ao local e reconheceu o irmão. Emocionada, ela disse que ele era doente mental e paciente do Caps (Centro de Atenção Psicossocial), da Prefeitura de Arapiraca, e o identificou como José Teixeira Barros.

 

MP no mutirão

Todos os promotores de Justiça criminais do Ministério Público do Estado de Alagoas (MPE/AL) estão engajados na primeira fase do mutirão carcerário realizado em território alagoano, que vai de 23 de janeiro a 1º de fevereiro.

Na ocasião, membros do Ministério Público e da Defensoria Pública, bem como advogados dos réus, vão se manifestar junto a milhares de processos de presos provisórios, conforme recomendação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

 

Sistema prisional

“Nós participamos do mutirão com a certeza de que essa é apenas uma das vertentes necessárias para que o sistema prisional, pelo menos no Estado de Alagoas, permaneça menos tensionado, dando a esperança aos detentos que seus processos serão revisados. O Ministério Público atua na defesa do preso provisório, no sentido de que só permaneça preso aquele que efetivamente tenha requisitos para tal”, explicou o procurador-geral de Justiça, Alfredo Gaspar de Mendonça Neto.

 

Programa

A Secretaria de Estado da Assistência e Desenvolvimento Social (Seades) vai integrar as ações promovidas pela Organização das Nações Unidas (ONU) dentro do programa Pequenas Obras, Grandes Mudanças, executado pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Transporte e Desenvolvimento Urbano (Setrand) nas grotas e comunidades da periferia de Maceió.

 

Compromisso

O compromisso foi firmado na quarta-feira (25), pelos secretários Fernando Pereira, do Desenvolvimento Social, e George Santoro, da Fazenda, responsável pelo convênio assinado pela ONU e pelo Governo de Alagoas, em novembro de 2016.

 

Indicadores sociais

Na avaliação de Santoro, as ações desenvolvidas pela ONU nessas comunidades poderão até mesmo vir a ser coordenadas pela Seades. “São atividades que devem integrar todos os setores e órgãos do Governo voltados para a melhoria dos indicadores sociais de Alagoas, como a saúde e educação. Nada mais natural que essas ações tenham a participação ativa da Seades, ou mesmo sejam conduzidas por ela”, disse o secretário da Fazenda.

 

 

… De acordo com o secretário Fernando Pereira, todas as iniciativas do governador Renan Filho no sentido de melhorar a condição de vida nas periferias do Estado terão a participação da pasta da Assistência e Desenvolvimento Social.

 

 

… “Vamos dedicar nossos esforços em qualquer ação do Governo que busque a melhoria dos índices sociais. A parceria com a ONU é um grande reforço para as ações que já são desenvolvidas, e temos certeza de que os resultados serão extremamente positivos”, afirmou Pereira.

 

… “As grotas da capital alagoana já estão sentindo os efeitos das obras que vêm sendo executadas, mas nossa meta é ampliar o acesso aos programas sociais e levar mais dignidade às famílias em situação de vulnerabilidade em todo o Estado”, lembrou o secretário do Desenvolvimento Social.