Roberto Baia

11 de maio de 2016

Redução de impostos

Os 20 mil produtores de fumo em corda do Agreste alagoano receberam, ontem (10), um importante incentivo para geração de mais empregos e renda no campo.

O secretário de Estado da Fazenda, George Santoro, esteve em Arapiraca e assinou a portaria que modifica a Instrução Normativa, para a redução em 50% da nova base de cálculo do ICMS nas operações de comercialização do fumo em corda.

A cerimônia ocorreu no auditório da Escola Municipal de Governo de Arapiraca e contou com a presença dos deputados estaduais Ronaldo Medeiros (PMDB), Tarcizo Freire (PP), além do vereador Sérgio do Sindicato (PPS) e dezenas de pequenos produtores de fumo de várias cidades do Agreste.

 

Fumo em corda

Representando a prefeita Célia Rocha, o consultor técnico da Secretaria Municipal de Agricultura, Manoel Henrique Cavalcante, participou da solenidade de assinatura de portaria que reduz a base de cálculo para venda do fumo em corda.

 

Setores produtivos

Na ocasião, o secretário da Fazenda, George Santoro, disse que o governador Renan Filho (PMDB) e o vice-governador Luciano Barbosa (PMDB), desde o início da gestão, têm orientado a secretaria em firmar parcerias com os variados setores produtivos de Alagoas, com o propósito de fomentar a geração de mais empregos e geração de renda nos municípios.

 

Calculo do imposto

Ele revelou que a norma reduz a base de cálculo do imposto de R$ 4,00 para R$ 2,00, iniciativa que atende ao pleito apresentado pela Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Alagoas (Faeal) e busca evitar o registro irregular da mercadoria em estados vizinhos que utilizam bases de cálculo menores, como Bahia (R$ 2,00) e Sergipe (R$ 3,00).

 

Viçosa

A corrida política para disputar as eleições em Viçosa já começou. No último domingo 8, dia das mães, vários pré-candidatos a gestor municipal fizeram o papel de fada madrinha das mamães e encheram-nas de presentes e mimos. Para algumas mamães, que receberam tais presentes, a proposta não colou muito, pois já conhecem as raposas antigas na política municipal e seus meios.

O problema é que alguns políticos “parecem ter agido de boa fé” e realizado o mesmo tipo de ação. Mas o que pode-se fazer? Os viçosenses conhecem a política local e já estão de ‘orelha em pé’ diante dessas repentinas bondades.

 

 

Arapiraca inclusão

A Prefeitura de Arapiraca está abrindo vagas para novos cursos na Escola de Artes, todas elas para as pessoas com necessidades especiais da comunidade. Haverá turmas especiais para cursos de “Flauta Doce” e outras para “Violão”, as inscrições para os cursos são gratuitas. Atualmente a Escola de Artes já dispõe de aulas de violão, teclado, ballet, desenho mangá, artes plásticas, capoeira e teatro, tanto para estudantes da Rede Municipal de Ensino, quanto para a comunidade em geral. Atualmente existem 1.200 matriculados.

 

Diversidade

A proposta é proporcionar para crianças com déficit de atenção e hiperatividade atividades que façam sentido para elas. Executar rotinas de trabalho, privilegiando os trabalhos curtos, e estimular a comunicação. Para participar das aulas é necessário levar uma foto 3×4, RG e comprovante de residência até a Escola, que fica nas instalações do Centro de Apoio à Educação Integral II (CAEI II), na Praça Luiz Pereira Lima, Centro, em horário comercial e também noturno. 

 

Casamento coletivo

Casas de São Luiz do Quitunde e de Matriz de Camaragibe tiveram a oportunidade de oficializar suas uniões. A ação reuniu 175 casas, 82 em Matriz do Camaragibe e 93 em São Luiz do Quitunde, uma inciativa do Tribunal de Justiça de Alagoas, através do projeto Justiça Itinerante, que ocorreu nos dias 06 e 07 deste mês.

 

Dados

Em 2016 o Judiciário alagoano já realizou casamentos coletivos em Maceió, nos bairros Fernão Velho, Farol, Barro Duro, Jacintinho e Benedito Bentes, contemplando mais de 380 casais, e em Santana do Mundaú, beneficiando outros 71. Em 2015, o projeto atingiu 2.307 casais, em 25 cerimônias. As comunidades podem solicitar e agendar casamentos coletivos por meio de associações, igrejas ou instituições públicas. Os custos cartorários são de responsabilidade das instituições solicitantes.

 

 

Chã Preta

A frente da Secretaria Municipal de Saúde, desde os últimos meses de 2015, o jovem secretário Júnior Lima, vem realizando diversas ações em prol dos usuários da saúde local. Desta vez a ação foi voltada para as mães usuárias da Academia da Saúde Municipal que na última segunda-feira, 9, participaram de uma sessão de cinema e de apresentações, em vídeo, sobre a importância de atividades físicas. Além disso o secretário, juntamente com o vereador Ricardo Tenório e o educador físico Weydner Wellisson, entregou presentes para as mamães da academia da saúde da cidade.

 

… Na última sexta-feira (06), a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur) inaugurou, na Praça dos Cabanos em Maragogi, o sistema de abastecimento de energia solar. A ação que é pioneira no Estado, fez parte da programação da 3ª edição do Governo Presente.

 

… A execução dos serviços, a exemplo da construção de uma caixa de alvenaria para instalação dos equipamentos, foi realizada com recursos da prefeitura, através das secretarias municipais de turismo e infraestrutura. O projeto inclui cinco placas equipadas de bateria com sistema off grid, que armazena a energia durante o dia para ser utilizada à noite. “A principal vantagem da ação é levar ao destino turístico, uma nova tecnologia que não depende da rede de energia da concessionária”, ressaltou o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Helder Lima.

 

… Na solenidade, o prefeito Henrique Madeira destacou a importância da inovação por gerar um sistema capacitado e econômico. “Os benefícios que esse novo sistema trará para o município, são exitosos. Além de cumprir com as questões ambientais, irá garantir mais segurança para a praça e seu entorno”, disse.